Vídeo: Raio-x das equipes

Argentina tem duelo decisivo contra o México para evitar eliminação

Confronto deve ter clima de final no grupo que começou com surpresa.

Gazetapress

Lionel Messi em treino da seleção da Argentina
Lionel Messi em treino da seleção da Argentina (Reprodução / Twitter seleção da Argentina)

Al Daayen (Catar) - Na tarde deste sábado (26), Argentina e México voltam a campo em confronto válido pela segunda rodada da fase de grupos da Copa do Mundo. A bola rola a partir das 16 horas (de Brasília), no Estádio Lusail, em Al Daayen, no Catar.

O Cotada como uma das favoritas, a Argentina foi derrotada pela Arábia Saudita na estreia e agora precisa buscar a vitória para seguir viva no grupo. O revés de virada ligou o alerta dos argentinos, que busca uma resposta rápida.



O técnico Lionel Scaloni garantiu que não terá baixa por questões físicas, mas destacou também que a sua equipe pode ter algumas mudanças em relação à estreia. Apesar disso, o discurso é não mudar o estilo de jogo que trouxe a Argentina como uma das candidatas ao título. “Este grupo está capacitado, disso não há dúvida alguma. Em relação às mudanças, avaliamos alternativas ao nosso jogo, mas não a nossa maneira de jogar. É possível que haja algumas variações, mas decidiremos no último treino”, disse o treinador.

Do outro lado do confronto, o México vem de um empate sem gols com a Polônia na primeira rodada. Por causa disso, os mexicanos também buscam a vitória a todo custo, já que um revés pode complicar os planos de avançar para o mata-mata.

Uma das grandes armas da seleção mexicana está na área técnica. Argentino, o técnico Tata Martino comandou o adversário deste sábado entre 2015 e 2016, e conhece bem parte do elenco que estará do outro lado do confronto. A esperança é conseguir parar Messi e companhia, mesmo sabendo que não é tarefa fácil. “Aqueles que já enfrentaram Messi dizem o mesmo. Conseguir detê-lo passa muito mais por ele ter uma tarde ruim do que pelo o que nós podemos fazer. Sempre temos que nos preparar pensando que Messi terá sua melhor versão, não podemos especular que ele não vai estar nela. Em cinco minutos, ele pode resolver uma partida. É preciso ter atenção máxima”, disse o treinador.

Mais cedo, às 10h (de Brasília), Polônia e Arábria Saudita fazem o outro confronto do grupo. Assim, Argentina e México entrarão em campo já sabendo do resultado que melhor favorece os seus objetivos.

FICHA TÉCNICA

ARGENTINA X MÉXICO

Local: Estádio Lusail, em Al Daayen, no Catar
Data: 26 de novembro de 2022, sábado
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Daniele Orsato (Itália)
Assistentes: Ciro Carbone (Itália) e Alessandro Giallatini (Itália)
VAR: Massimiliano Irrati (Itália)

ARGENTINA

Martínez; Molina, Cristian Romero, Otamendi, e Tagliafico; Paredes, Rodrigo de Paul e Papu Gómez; Messi, Lautaro Martínez e Di María.
Técnico: Lionel Scaloni.

MÉXICO

Ochoa; Jorge Sánchez, César Montes, Héctor Moreno, Jesús Gallardo; Edson Álvarez, Héctor Herrera e Andrés Guardado; Hirving Lozano, Funes Mori e Alexis Vega.
Técnico: Tata Martino.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.