Premiação

Rayssa Leal conquista dois troféus no Prêmio Brasil Olímpico 2021

Skatista maranhense foi eleita a melhor do país em sua modalidade e também faturou o Troféu Inspire.
Gustavo Arruda / Imirante Esporte07/12/2021 às 23h59
Rayssa Leal conquista dois troféus no Prêmio Brasil Olímpico 2021Rayssa Leal divulgou vídeo agradecendo pela conquista do Prêmio Inspire. (Reprodução / Twitter)

ARACAJU - A skatista maranhense Rayssa Leal, de 13 anos, foi uma das destaques da 22ª edição do Prêmio Brasil Olímpico, organizado pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB) e realizado na noite desta terça-feira (7), no Teatro Tobias Barreto, em Aracaju. Além de ser escolhida a melhor atleta do skate em 2021, Rayssa ganhou o Prêmio Inspire, vencendo a disputa contra Ana Marcela Cunha, Etiene Medeiros, Kahena Kunze, Ketleyn Quadros, Laura Pigossi, Luisa Stefani, Martine Grael, Rebeca Andrade e Martine Grael.

Rayssa Leal não esteve na cerimônia do Prêmio Brasil Olímpico, mas agradeceu em vídeo aos votos recebidos para o Prêmio Inspire. "Oi galerinha, estou passando para agradecer a todos que votaram e me ajudaram a ganhar o Prêmio Inspire. Espero continuar inspirando outras pessoas a acreditarem nos seus sonhos e que possamos ter cada vez mais meninas e mulheres praticando o esporte, e, assim como eu, ter a honra de ser uma atleta olímpica", afirmou a maranhense.

O Prêmio Inspire, de acordo com o COB, visa celebrar atletas que superaram as suas adversidades (pandemia da Covid-19, lesão, ou outra questão), as que obtiveram resultados pessoais satisfatórios (quebra de um recorde pessoal, melhor colocação até hoje) e as que não desistiram de competir ou até mesmo as que respeitaram seus próprios limites. "A premiação é sobre inspirar outras mulheres e atletas a correrem atrás dos seus objetivos", diz a nota do Comitê.

Em meio a essas conquistas, Rayssa Leal esteve na disputa de outras duas premiações no Prêmio Brasil Olímpico. No prêmio de Atleta da Torcida, a skatista ficou em terceiro lugar, atrás da vencedora Fernanda Garay, do vôlei, e do surfista Ítalo Ferreira. Já no prêmio da melhor atleta de 2021, a ginasta campeã olímpica Rebeca Andrade levou a maioria dos votos, superando Rayssa e Ana Marcela Cunha, atleta da maratona aquática.

As conquistas no Prêmio Brasil Olímpico abrilhantaram ainda mais a histórica temporada de Rayssa Leal, que faturou a medalha de prata nas Olimpíadas de Tóquio, venceu duas etapas do Circuito Mundial de Skate Street (SLS), ficou com o vice-campeonato mundial e recentemente foi campeã da STU Open, realizada no Rio de Janeiro.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

Selo IVC
© 2019 - Todos os direitos reservados.