Série B

Sampaio Corrêa arranca empate fora de casa contra o Guarani e continua perto do G4 da Série B

Tricolor está a três pontos do quarto colocado Goiás, mas não vence há quatro rodadas na Segundona.
Gustavo Arruda / Imirante Esporte20/07/2021 às 21h35
Sampaio Corrêa arranca empate fora de casa contra o Guarani e continua perto do G4 da Série BGuarani e Sampaio Corrêa se enfrentaram pela 13ª rodada da Série B. (Thomaz Marostegan / Guarani FC)

CAMPINAS - Pressionado por uma série de três jogos sem vitórias no Campeonato Brasileiro Série B, o Sampaio Corrêa voltou a campo na noite desta terça-feira (20), em partida válida pela 13ª rodada da competição nacional, com a missão de frear o Guarani, dono do melhor ataque da Segundona, no Estádio Brinco de Ouro. A Bolívia Querida teve dificuldades, não conseguiu encerrar o jejum de triunfos, mas arrancou o empate por 0 a 0 diante do Bugre, resultado que mantém a equipe maranhense próxima do G4 da Série B.

Embalado por quatro vitórias consecutivas na Série B e jogando em casa, o Guarani tomou a iniciativa diante do Sampaio Corrêa, mas acumulou chances perdidas e transformou Mota, goleiro da Bolívia Querida, no destaque do confronto, com pelo menos cinco grandes defesas. O Sampaio até conseguiu equilibrar as ações na etapa final, porém, não levou muito perigo ao gol do Bugre, e deixou o Brinco de Ouro satisfeito com o empate.

Com o empate em Campinas, o Sampaio Corrêa chegou aos 20 pontos em 13 partidas e permanece na sexta posição da Série B, a três pontos do quarto colocado Goiás. O Tricolor, entretanto, ainda pode perder uma posição na rodada, caso haja vencedor no confronto entre Avaí e Operário Ferroviário. Já o Guarani, com 23 pontos, continua em terceiro lugar na Segundona e perde a chance de diminuir a distância para o líder Náutico.

O Sampaio Corrêa volta a campo pela Série B na noite deste domingo (25), às 20h30, diante do CRB, em partida que será disputada no Estádio Castelão e terá cobertura completa do Imirante Esporte, além da transmissão ao vivo da rádio Mirante AM. Antes disso, no sábado (24), a partir das 21h, o Guarani visita o Vasco em São Januário.

O jogo

Em boa fase na Série B, o Guarani precisou de pouco tempo para pressionar o Sampaio Corrêa no Brinco de Ouro. Logo aos sete minutos, Bruno Sávio recebeu cruzamento de Régis, cabeceou firme e acertou a trave. No lance seguinte, Rodrigo Andrade arriscou o chute de fora da área e parou em uma defesaça de Mota.

Aproveitando a dificuldade do Sampaio Corrêa em avançar ao campo de ataque, o Guarani avançou o time e continuou criando chances. Régis, aos 16 minutos, tabelou com Diogo Mateus e bateu de longe, para defesa tranquila de Mota. O Sampaio só respondeu aos 31: após puxar contragolpe em velocidade, Jean Silva deu um passe na medida para Mauro Silva, que chutou da entrada da área e mandou a bola pela linha de fundo.

Na reta final do primeiro tempo, o Guarani voltou a pressionar o Sampaio Corrêa, que apostava na força de sua defesa para evitar o gol dos donos da casa. Aos 38 minutos, Régis tabelou com Diogo Mateus, chutou cruzado e obrigou Mota a fazer uma defesa em dois tempos. Já aos 44, Diogo Mateus recebeu no meio-campo, avançou com total liberdade, chutou forte, e Mota, atento, espalmou para a lateral. O Sampaio ainda teve uma oportunidade aos 46, mais uma vez com Mauro Silva, em chute sem muita força, defendido por Gabriel Mesquita.

Mota faz grande partida e garante ponto do Sampaio em Campinas

Depois de um primeiro tempo em que pouco apareceu no ataque, o Sampaio Corrêa equilibrou um pouco mais as ações na etapa final, apostando em jogadas pelas pontas e levantamentos para a grande área. Em ritmo mais lento, o Guarani só voltou a finalizar aos 22 minutos, com Régis cobrando escanteio direto para o gol e Mota afastando o perigo com um soco na bola.

Com mais dificuldades para trocar passes, o Guarani mudou de estratégia e apostou nos cruzamentos para furar a marcação do Sampaio Corrêa. Aos 23 minutos, Diogo Mateus levantou a bola na grande área, a zaga tricolor não afastou, e Régis chutou para defesa à queima-roupa de Mota. Pouco depois, aos 27, Régis cobrou escanteio, Thales fez o desvio, e Bruno Silva cabeceou para fora.

Animado com os últimos avanços, o Guarani criou mais uma chance aos 31 minutos: Bruno Silva finalizou de longa distância, e Mota, destaque da partida, salvou mais uma vez o Sampaio Corrêa. Depois disso, as marcações anularam os avanços das duas equipes, e o empate sem gols se confirmou no Brinco de Ouro.

FICHA TÉCNICA

GUARANI: Gabriel Mesquita; Diogo Mateus, Thales, Titi (Índio) e Bidu; Bruno Silva, Rodrigo Andrade, Bruno Sávio (Allan Victor), Júlio César (Andrigo) e Régis (Pablo); Davó (Lucão do Break). Treinador: Daniel Paulista

SAMPAIO CORRÊA: Mota; Luis Gustavo (Watson), Nilson Junior, Paulo Sérgio e Felipinho; Mauro Silva, Ferreira e Nadson (Gui Campana); Jean Silva, Roney (Romarinho) e Ciel (Jefinho). Treinador: Felipe Surian

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.