Série B

Sampaio Corrêa derrota o Londrina, garante terceira vitória consecutiva e permanece no G4 da Série B

Tricolor assumiu temporariamente a terceira posição da Segundona; LEC entra na zona de rebaixamento.
Gustavo Arruda / Imirante Esporte03/07/2021 às 21h37
Sampaio Corrêa derrota o Londrina, garante terceira vitória consecutiva e permanece no G4 da Série BJefinho comemora: o Sampaio Corrêa bateu o Londrina no Castelão. (John Tavares / Sampaio Corrêa FC)

SÃO LUÍS - Vivendo uma grande fase no Campeonato Brasileiro Série B, o Sampaio Corrêa voltou a demonstrar força e conquistou um resultado importante para suas pretensões no torneio. Em partida válida pela nona rodada da Segundona e disputada na noite deste sábado (3), no Estádio Castelão, o Tricolor derrotou o Londrina por 1 a 0, garantiu a terceira vitória consecutiva e se consolidou no G4 da competição nacional.

Superior em campo desde o início de jogo, o Sampaio Corrêa sufocou o Londrina no primeiro tempo, desperdiçou algumas oportunidades no campo de ataque, mas teve a insistência premiada aos 35 minutos: Jefinho aproveitou uma sobra de bola na pequena área, após erro de domínio de Jean Silva, e abriu o placar para a Bolívia Querida. Na etapa final, o Londrina equilibrou o confronto e lutou pelo empate, porém, a defesa do Sampaio foi impecável mais uma vez, com destaque para o goleiro Mota, que salvou uma finalização de Júnior Pirambu aos 49 minutos.

Invicto há cinco partidas na Série B, o Sampaio Corrêa assumiu temporariamente a terceira colocação da competição nacional, com 18 pontos, três a menos que o líder Náutico. Já o Londrina, que sofreu a segunda derrota consecutiva e conquistou apenas sete pontos em nove jogos, entrou na zona de rebaixamento e ocupa agora a 17ª posição da Segundona.

Os próximos compromissos de Sampaio Corrêa e Londrina pela Série B estão marcados para a noite desta sexta-feira (9), às 19h. Enquanto a Bolívia Querida enfrentará o Vasco em São Januário, com cobertura completa do Imirante Esporte e da rádio Mirante AM, o Londrina terá uma oportunidade de recuperação em jogo contra o Guarani, no Estádio do Café.

O jogo

Querendo manter o bom momento, fazer valer o fator casa e confirmar o favoritismo, o Sampaio Corrêa não demorou muito para criar suas oportunidades de gol diante de um pressionado Londrina. Logo aos sete minutos, Gui Campana recebeu passe de Pimentinha na grande área e rolou para Mauro Silva, que arriscou da entrada da área e mandou a bola pela linha de fundo. Pouco depois, aos 10, Pimentinha avançou pela direita e serviu Ferreira, que chutou cruzado e parou em grande defesa de César.

Depois da pressão inicial, o Sampaio Corrêa diminuiu o ritmo e valorizou a posse de bola, tentando encontrar espaços na defesa do Londrina. A equipe paranaense, entretanto, conseguia se fechar bem e ainda levar perigo nos contragolpes: aos 22, Luiz Henrique fez bela jogada individual e cruzou para Salatiel, com Mota batido no lance, mas o atacante do LEC foi atrapalhado por Joécio na hora da conclusão e bateu por cima do gol.

O avanço do Londrina foi o suficiente para o Sampaio Corrêa acordar e intensificar a pressão em busca do gol, que saiu aos 35 minutos: Jean Silva recebeu cruzamento de Pimentinha na grande área e falhou na tentativa de domínio, mas a bola sobrou para Jefinho, que mostrou oportunismo e abriu o placar para a equipe maranhense.

Sampaio administra vantagem e confirma vitória

Depois de um primeiro tempo tímido, o Londrina voltou para a etapa final com uma postura mais agressiva, enquanto o Sampaio Corrêa lutava para encaixar o estilo de jogo que funcionou no começo do confronto. Aos 13 minutos, Tiago Orobó aproveitou cobrança de falta de Adenílson na grande área e cabeceou firme, obrigando Mota a espalmar a bola para a linha de fundo. Já aos 16, Luiz Henrique recebeu passe na entrada da área e arriscou o chute, que tirou tinta da trave esquerda do Sampaio.

Sem conseguir encaixar boas jogadas no campo de ataque, o Sampaio Corrêa recuou um pouco suas linhas e passou a jogar no contragolpe, explorando os erros do Londrina, que avançava, mas sem esboçar uma pressão de fato. Aos 25 minutos, o Tricolor perdeu uma boa oportunidade para matar o jogo com Jean Silva, que avançou pela esquerda e tentou um chute colocado, entretanto, sem sucesso.

Mostrando suas credenciais de melhor defesa da Série B até o momento, o Sampaio Corrêa não permitiu maiores avanços ao Londrina na reta final de partida e ainda teve mais uma chance de marcar o segundo gol: Zé Mário, aos 42, recebeu passe em profundidade, invadiu a área e bateu forte, para fora. Quando o placar parecia definido, o Londrina tentou uma última e surpreendente cartada: após cobrança de lateral para a grande área, a bola chegou até Júnior Pirambu, que conseguiu o desvio de cabeça, mas Mota, atento, se esticou todo, fez grande defesa e confirmou a vitória do Sampaio no Castelão.

FICHA TÉCNICA

SAMPAIO CORRÊA: Mota; Watson, Joécio, Paulo Sérgio e Eloir (Zé Mário); Mauro Silva (Betinho), Ferreira e Gui Campana (Pablo); Jean Silva, Pimentinha (Jajá) e Jefinho (Roney). Treinador: Felipe Surian

LONDRINA: César; Ricardo Luz, Marcondes, Augusto e Felipe; Jean Henrique, Tárik (Matheus Bianqui) e Marcelo Freitas (Adenílson); Douglas Santos (Tiago Orobó), Luiz Henrique (Juan) e Salatiel (Júnior Pirambu). Treinador: Roberto Fonseca

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.