Tubarão campeão! 🏆

Sampaio Corrêa aplica goleada histórica sobre o Vasco e conquista título do Circuito Brasil de Beach Soccer

Tricolor sagrou-se campeão em competição nacional na Arena de Copacabana, no Rio de Janeiro.

Gustavo Arruda / Imirante Esporte

- Atualizada em 22/04/2023 às 19h15
O Sampaio Corrêa é o primeiro campeão da história do Circuito Brasil de Beach Soccer.
O Sampaio Corrêa é o primeiro campeão da história do Circuito Brasil de Beach Soccer. (Raphael Barbosa / NB Photopress)

RIO DE JANEIRO - Atual campeão brasileiro de beach soccer, o Sampaio Corrêa ampliou a sua galeria de conquistas nacionais na tarde deste sábado (22), em uma partida que vai ficar para sempre na memória do torcedor tricolor. Com uma atuação impecável, o Tubarão goleou o Vasco por 7 a 0 na Arena de Copacabana, no Rio de Janeiro, e faturou o título da primeira edição do Circuito Brasil de Beach Soccer.

Mesmo com a pressão da torcida do Vasco, que marcou presença em grande número na Arena de Copacabana, o Sampaio Corrêa não se intimidou, impôs o seu estilo de jogo e abriu o placar aos quatro minutos, com Dener. Na reta final do primeiro tempo, a Bolívia Querida encaminhou a vitória com três gols em apenas 16 segundos: Fabrício e Dener, duas vezes, deixaram a equipe maranhense em uma situação muito confortável na final do Circuito Brasil. Animado, o Sampaio manteve o ritmo no segundo tempo e ampliou a goleada com Gerlan, de pênalti, e Tony, após cobrança de escanteio de Datinha. O artilheiro Edson Hulk, já no terceiro tempo, fechou a goleada do Tubarão nas areias de Copacabana.

O Sampaio Corrêa sagrou-se campeão do Circuito Brasil de maneira invicta, com seis vitórias e um empate em sete partidas, além de marcar 47 gols e sofrer 17. Com essa campanha histórica e de números impressionantes, o Sampaio também dominou os prêmios individuais da competição: enquanto Bobô venceu como melhor goleiro e Carlos Jacques foi escolhido o melhor técnico, Edson Hulk levou os prêmios de melhor jogador e artilheiro, após marcar 21 gols.

Consolidado como a principal equipe de beach soccer do Brasil, o Sampaio Corrêa terá agora dois meses de ajustes para um dos seus maiores desafios na história da modalidade. Em busca de um inédito título continental, o Tricolor disputará a Copa Libertadores de Beach Soccer entre os dias 18 e 25 de junho, em Iquique, no Chile.

O jogo

Empurrado por sua torcida na Arena de Copacabana, o Vasco tentou pressionar o Sampaio Corrêa nos primeiros minutos da final do Circuito Brasil, entretanto, a Bolívia Querida se fechou bem, não demorou a assumir o domínio da partida e abriu o placar aos quatro minutos: após roubada de bola, Dener puxou o contra-ataque, bateu firme e fez o primeiro gol do Tricolor na decisão.

Com muita habilidade e um ataque agressivo, o Sampaio Corrêa não deu qualquer possibilidade de reação ao Vasco e marcou o segundo gol aos 10 minutos, com Fabrício, após bela troca de passes do ataque tricolor. Nove segundos depois, o Sampaio marcou o terceiro: após lançamento do goleiro Bobô, Dener se antecipou aos defensores cruz-maltinos e cabeceou firme para as redes. O quarto gol do Tubarão ocorreu sete segundos após a nova saída de bola do Vasco: a equipe carioca arriscou o chute, a bola bateu na defesa do Sampaio e sobrou para Dener, que estava livre no ataque e marcou pela terceira vez na final.

Embalado pelo excelente primeiro tempo, o Sampaio Corrêa manteve a postura na segunda etapa, criou boas oportunidades no ataque e chegou ao quinto gol em cobrança de pênalti de Gerlan, aos sete minutos. Além de segurar todas as tentativas de reação do Vasco, o Tubarão continuava com fome de gol: aos nove minutos, Tony apareceu livre após cobrança de escanteio de Datinha e marcou o sexto da equipe maranhense.

Apesar da larga vantagem, o Sampaio Corrêa não quis saber de colocar o pé no freio e continuou criando chances diante do Vasco, que até tentou diminuir o prejuízo, mas parou em grandes defesas de Bobô. Vigiado de perto durante toda a final, o artilheiro Edson Hulk conseguiu uma bela finalização aos três minutos, marcou o seu 21º gol no Circuito Brasil e fechou o placar em um jogo histórico para o Sampaio, que faturou o título nacional com uma goleada indiscutível.

CAMPANHA DO SAMPAIO CORRÊA NO CIRCUITO BRASIL

FASE DE GRUPOS

Sampaio Corrêa 7 x 1 Botafogo

Sampaio Corrêa 8 x 2 Vitória

Sampaio Corrêa 6 x 3 Sport

Sampaio Corrêa 4 x 1 Brusque

Sampaio Corrêa 6 x 6 Flamengo (Sampaio 5 x 4 nos pênaltis)

QUARTAS DE FINAL

Sampaio Corrêa 6 x 2 Londrina

SEMIFINAL

Sampaio Corrêa 3 x 2 ABC

FINAL

Sampaio Corrêa 7 x 0 Vasco

Confira a festa dos jogadores do Sampaio Corrêa:

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.