Liga de Basquete Feminino

Campeão pelo Sampaio Basquete, Rodrigo Galego é eleito técnico do ano da LBF 2022

Treinador comandou a Bolívia Querida em seu terceiro título nacional nas quadras.

Imirante Esporte, com informações da LBF

Ricardo Molina, presidente da LBF, entrega troféu a Rodrigo Galego, melhor treinador da competição em 2022.
Ricardo Molina, presidente da LBF, entrega troféu a Rodrigo Galego, melhor treinador da competição em 2022. (Matheus Moura / LBF)

AMERICANA - Eleito pela Liga de Basquete Feminino o Melhor Treinador da LBF 2022, Rodrigo Galego esteve na sede da entidade, em, Americana (SP), onde recebeu seu troféu das mãos do presidente Ricardo Molina. No comando do Sampaio Basquete e estreando na liga, o técnico levou o Sampaio Basquete ao seu terceiro título na história, derrotando nas Finais o Vera Cruz Campinas, por 3 vitórias a 0, na série melhor de cinco jogos.

“Tanto o título quanto essa premiação foram construídos por muitas mãos. Fico feliz em recebê-la pessoalmente na sede da LBF, mas aproveito pra dividi-la com toda a Comissão Técnica, que fez um trabalho incrível e que me abraçou desde o primeiro dia da minha chegada”, declarou o comandante, que prossegue.

“Também sei que essa premiação se deve muito à incrível postura da equipe desde o início da competição, às atletas que, com seu profissionalismo, entregaram essa campanha maravilhosa. Também à torcida do Sampaio Basquete, que lotou o ginásio, torceu de perto e de longe e encheu essa equipe de confiança pra reconquistar o título para o estado do Maranhão. Recebo com muita alegria e orgulho, mas certo de que sou mais um no meio dessa multidão que trabalhou pra alcançar esse resultado”, finaliza Rodrigo.

Anunciado há um ano, Rodrigo Galego tornou-se o primeiro treinador brasileiro da história do Sampaio Basquete. Após um início de sete vitórias consecutivas na LBF 2022, a equipe maranhense fechou a fase de classificação na segunda posição, com 14 triunfos em 18 jogos.

Nos Playoffs, já com os reforços de atletas como Érika de Souza, Alana Gonçalo e Tainá Paixão, repetiu 2019 e teve campanha invicta de sete vitórias, passando por Sport nas quartas de final (2 a 0), Santo André nas semifinais (2 a 0) e Vera Cruz Campinas na decisão (3 a 0), com médias de 78,4 pontos por jogo e 62,4 sofridos.

No total, a campanha do Sampaio sob Rodrigo Galego registrou 21 vitórias e um aproveitamento de 84%.

Carioca radicado em Brasília (DF), Rodrigo Galego, de 43 anos, se torna o mais jovem do seleto rol que inclui nomes como Laís Elena (eleita na temporada 2010/2011), Antonio Carlos Vendramini (eleito por três vezes entre 2014 e 2018), João Camargo (2021), Roberto Dornelas (2014), Lisdeivi Pompa (2016), Cristian Santander (2019) e Luiz Zanon (2012 e 2013).

Após a conquista do título, Rodrigo Galego foi contratado pela Unifacisa, equipe de Campina Grande (PB) que disputa a temporada 2022/23 do Novo Basquete Brasil. Já o Sampaio Basquete anunciou o retorno do argentino Cristian Santander para a temporada 2023 da LBF.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.