Série B

Sampaio Corrêa goleia o Sport no Castelão e volta a ficar colado no G4 da Série B

Tricolor faz mais uma grande atuação em casa e sobe na classificação da Segundona.

Gustavo Arruda / Imirante Esporte

- Atualizada em 23/07/2022 às 00h25
O Sampaio Corrêa goleou o Sport em partida da 20ª rodada da Série B.
O Sampaio Corrêa goleou o Sport em partida da 20ª rodada da Série B. (Matheus Soares / Grupo Mirante)

SÃO LUÍS - Mais uma vez, o Sampaio Corrêa comprovou sua força jogando ao lado da torcida tricolor e conquistou um resultado expressivo no Campeonato Brasileiro Série B. Em partida válida pela 20ª rodada da Segundona e disputada na noite desta sexta-feira (22), o Tubarão teve uma atuação dominante do primeiro ao último minuto no Estádio Castelão, goleou o Sport por 4 a 1, manteve sua invencibilidade em casa na competição nacional e ganhou fôlego na disputa pelo G4.

VÍDEO: Assista aos melhores momentos de Sampaio Corrêa 4 x 1 Sport

Dono da segunda melhor campanha como mandante na Série B, o Sampaio Corrêa não precisou de muito tempo para mostrar ao Sport quem manda no Castelão: logo aos cinco minutos, Gabriel Poveda recebeu um belo lançamento de Pimentinha e cabeceou com categoria para abrir o placar a favor da Bolívia Querida. Animado, o Sampaio ampliou a vantagem aos 36 minutos, com Ygor Catatau, que aproveitou cobrança de escanteio de Pará e testou firme, sem chances para o goleiro Carlos Eduardo. Na volta do intervalo, o Sport até esboçou uma reação com Kayke, que marcou de cabeça aos seis minutos, mas o artilheiro Gabriel Poveda, em cobrança de pênalti aos 29 minutos, e Rafael Costa, já aos 48, confirmaram a goleada do Sampaio diante de seu torcedor.

A vitória em casa fez o Sampaio Corrêa assumir provisoriamente o quinto lugar da Série B, com 28 pontos, cinco a menos que o quarto colocado Grêmio, que tem uma partida a menos na competição nacional. O Tricolor só perderá essa posição em caso de vitórias de Tombense, Londrina e Novorizontino, equipes que atuarão como visitante na continuação da rodada da Segundona. Já o Sport, com 27 pontos, chegou ao terceiro jogo consecutivo sem vitória e caiu para a sétima colocação na Série B.

Invicto em casa, o Sampaio Corrêa terá agora duas partidas consecutivas como visitante, com a oportunidade de encerrar o incômodo jejum de vitórias longe de seus domínios nesta Série B. O primeiro desses compromissos da Bolívia Querida será na próxima sexta-feira (29), às 21h30, diante do Tombense, no Estádio Soares de Azevedo, em Muriaé, com transmissão da rádio Mirante AM e cobertura completa do Imirante Esporte. Antes disso, na noite de quinta-feira (28), o Sport recebe o Guarani a partir das 21h30, na Ilha do Retiro.

O jogo

Contando com o apoio da torcida, o Sampaio Corrêa avançou suas linhas, pressionou o Sport no começo da partida e rapidamente abriu o placar no Castelão. Aos cinco minutos, Pimentinha fez um cruzamento na medida para Gabriel Poveda, que fez o desvio de cabeça e marcou o primeiro gol da Bolívia Querida.

Mesmo em vantagem, o Sampaio Corrêa manteve seu estilo de jogo ofensivo, enquanto o Sport sofria para trocar passes e oferecer algum perigo para a equipe maranhense. Aos 17 minutos, Gabriel Poveda ganhou a disputa de bola com Sabino e arriscou o chute, que saiu pela linha de fundo. Pouco depois aos 25, Gabriel Poveda protegeu a bola na entrada da área e rolou para André Luiz, que bateu forte e quase anotou o segundo gol do Tubarão.

Dominante, o Sampaio Corrêa ampliou o placar aos 36 minutos: após cobrança de escanteio de Pará, Ygor Catatau subiu sozinho, cabeceou firme e mandou a bola no canto direito, sem chances para Carlos Eduardo. Depois disso, o Sport até passou a ocupar mais o campo de ataque, mas a defesa da Bolívia Querida fechou bem os espaços e não permitiu qualquer finalização de maior perigo do Leão.

Sport diminui prejuízo, mas Sampaio constrói goleada em seguida

Pressionado pelo prejuízo no placar e pela grande atuação do Sampaio Corrêa no primeiro tempo, o Sport voltou do intervalo com um maior número de atletas no campo de ataque, porém, esqueceu de se resguardar na defesa: aos quatro minutos, Gabriel Poveda puxou o contragolpe e passou a bola para Ferreira, que invadiu a área, tentou a finalização e mandou a bola para fora. Mesmo sem conseguir impor seu ritmo, o Sport conseguiu marcar um gol aos seis minutos, com Kayke, que aproveitou cobrança de falta de Giovanni e deu um toque sutil de cabeça, o suficiente para vencer Gabriel Batista e balançar as redes.

O gol do Sport não foi suficiente para mudar o cenário da partida: enquanto a equipe pernambucana demonstrava pouca criatividade no ataque, o Sampaio Corrêa lutava para aumentar a vantagem. Aos 11 minutos, Ygor Catatau aproveitou cobrança de escanteio, desviou de cabeça e quase marcou para a Bolívia Querida. Já aos 29, Mateusinho foi lançado em profundidade por Gabriel Poveda, invadiu a grande área e foi derrubado por Fábio Alemão, com a arbitragem marcando o pênalti e expulsando o defensor do Sport. Na cobrança, Gabriel Poveda soltou o chute forte, no canto direito de Carlos Eduardo, marcou o terceiro gol do Sampaio e ampliou sua vantagem na artilharia da Série B, com 11 gols.

Apesar da boa vantagem no placar e de ter um jogador a mais em campo, o Sampaio Corrêa não quis saber de administrar o resultado e manteve a pressão diante de um Sport que apenas esperava o tempo passar. Lucas Araújo, aos 35 minutos, arriscou de longe, para boa defesa de Carlos Eduardo. Já aos 48, Rafael Costa recebeu de Renatinho, soltou o chute forte no canto direito de Carlos Eduardo e transformou a vitória tricolor em goleada, para delírio da torcida no Castelão.

FICHA TÉCNICA

SAMPAIO CORRÊA: Gabriel Batista; Mateusinho, Allan Godói (Joécio), Nilson Junior e Pará; André Luiz (Lucas Araújo), Ferreira e Rafael Vila; Pimentinha (Renatinho), Ygor Catatau (Nadson) e Gabriel Poveda (Rafael Costa). Treinador: Léo Condé

SPORT: Carlos Eduardo; Ezequiel, Fábio Alemão, Sabino e Sander; Fabinho, Blas Cáceres (Giovanni), Bruno Matias (Denner), Thiago Lopes (Everton Felipe) e Luciano Juba (William Oliveira); Kayke (Vanegas). Treinador: César Lucena

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.