UFC

Caio Borralho exalta estratégia em segunda vitória no UFC: "Sou um nerd lutando"

Lutador maranhense derrotou o armênio Armen Petrosyan na madrugada de domingo (10).

Gustavo Arruda / Imirante Esporte*

Caio Borralho conquistou mais uma vitória no UFC.
Caio Borralho conquistou mais uma vitória no UFC. (Reprodução / Instagram)

LAS VEGAS (ESTADOS UNIDOS) - O lutador maranhense Caio Borralho conquistou, na madrugada de domingo (10), em Las Vegas (Estados Unidos), sua segunda vitória consecutiva no Ultimate Fighting Championship (UFC), maior organização de artes marciais mistas (MMA) do mundo. Com uma atuação segura e domínio no solo, "The Natural" derrotou o armênio Armen Petrosyan por decisão unânime dos jurados (30-27, 30-27 e 29-28) e garantiu o quarto resultado positivo seguido na organização, sendo dois pelo programa "Contender Series" e dois pelo UFC.

Leia também: Vencedor no UFC, Caio Borralho agradece pelo apoio

Em entrevista ao canal Combate, Caio Borralho comemorou o seu desempenho diante de Armen Petrosyan, além de frisar a importância de manter a concentração e o pensamento afiado dentro do octógono.

"Estou muito feliz. Eu fiz meu trabalho, que é o que importa. Esta é minha quarta luta em 10 meses, minha quarta luta em alto nível, e minha quarta luta com uma vitória dominante. Me sinto abençoado, estou feliz com minha performance. Eu fiz o que precisava fazer. Sou um nerd lutando, vou calcular tudo e vou fazer o que eu preciso fazer para vencer a luta. Não vou brigar e ser um lutador idiota", afirmou o lutador maranhense.

A próxima luta de Caio Borralho no UFC ainda não está definida, mas "The Natural" já fez um desafio ao lutador sul-africano Dricus Du Plessis, atualmente na 14ª posição do ranking dos médios. O maranhense acredita que vencer Du Pleiss é crucial para o crescimento dentro da organização.

"Eu não tenho nada contra o cara. Eu sei que posso vencê-lo. Ele está ranqueado agora e eu quero lutar com ele. Estou pronto para novos desafios e o grande passo, um evento numerado. Vocês sabem que eu posso vender lutas. Eu posso falar e vencer. Isso é o que importa", disse Caio.

*Com informações do canal Combate.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.