Copa do Nordeste

Sampaio Corrêa repudia ataque ao ônibus do Bahia: "Futebol não é violência"

Adversário da Bolívia Querida na Copa do Nordeste foi alvo de ataque a bomba na chegada à Arena Fonte Nova.

Gustavo Arruda / Imirante Esporte

- Atualizada em 26/03/2022 às 18h14
Ônibus do Bahia foi atacado poucas horas antes da partida contra o Sampaio Corrêa, pela Copa do Nordeste.
Ônibus do Bahia foi atacado poucas horas antes da partida contra o Sampaio Corrêa, pela Copa do Nordeste. (Divulgação / EC Bahia)

SALVADOR - Em nota divulgada na noite desta quinta-feira (24), o Sampaio Corrêa manifestou sua solidariedade ao Bahia, adversário em partida válida pela primeira rodada da fase de grupos, que teve seu ônibus atacado na chegada à Arena Fonte Nova. Três bombas foram atiradas em direção ao veículo, quebrando vidros de algumas janelas e deixando jogadores feridos.

Leia também: Ônibus do Bahia é atingido por bomba antes de jogo contra o Sampaio Corrêa

"Toda nossa solidariedade aos jogadores do Bahia, vítimas de uma covarde agressão na chegada à Fonte Nova. Futebol não é guerra, não é violência. Futebol é alegria, vibração e um campo de paz. Que as autoridades tomem as devidas providências para apurar esse triste episódio", diz a publicação do Sampaio Corrêa.

De acordo com o site ge Bahia, o goleiro Danilo Fernandes foi atingido por estilhaços de vidro no rosto, perto do olho, e foi levado por uma ambulância a um hospital de Salvador. O lateral-esquerdo Matheus Bahia, por sua vez, teve cortes nos braços. Os suspeitos do ataque são torcedores do Bahia, insatisfeitos com o momento da equipe na temporada 2022.

Após o ataque, os jogadores do Bahia fizeram uma rápida reunião e decidiram entrar em campo para enfrentar o Sampaio Corrêa. "O grupo, através da sua dignidade e do seu profissionalismo, vai entrar em campo para honrar as cores do Bahia", afirmou o técnico Guto Ferreira.

"O Esporte Clube Bahia informa que uma bomba explodiu dentro do ônibus da equipe na chegada à Fonte Nova e atletas ficaram feridos. O caso mais preocupante é do goleiro Danilo Fernandes, atingido por estilhaços no rosto e já encaminhado a um hospital. Grupo discute se terá jogo. Um carro que transitava ao lado do ônibus tricolor, na altura do último viaduto da Av. Bonocô, conduzido por uma mulher, também acabou atingido", diz a nota publicada pelo Bahia nas redes sociais.

Nos últimos meses, o Bahia foi alvo de protestos e críticas do torcedores, principalmente após o rebaixamento para a Série B em dezembro. Nesta temporada, o Esquadrão de Aço ainda não conseguiu bons resultados: além de estar fora da zona de classificação para a segunda fase do Campeonato Baiano, a equipe ocupa apenas a quarta posição do Grupo B da Copa do Nordeste, no limite para a vaga nas quartas de final.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.