Série C

Imperatriz vence em casa, sobe na tabela e tira o Sampaio Corrêa do G4 da Série C

Cavalo de Aço se afastou da zona da degola; Tricolor caiu três posições com o tropeço.
Gustavo Arruda / Imirante Esporte24/06/2019 às 21h57
Imperatriz vence em casa, sobe na tabela e tira o Sampaio Corrêa do G4 da Série CO Imperatriz venceu o Sampaio Corrêa no Estádio Frei Epifânio. (Johan Barros / Sociedade Imperatriz de Desportos)

IMPERATRIZ – Em evolução no Campeonato Brasileiro Série C, o Imperatriz fez a sua melhor atuação na temporada na noite desta segunda-feira (24) e conquistou um resultado importante na briga contra o rebaixamento na competição nacional. Contando com o apoio da torcida colorada no Estádio Frei Epifânio, o Cavalo de Aço dominou o Sampaio Corrêa, em clássico válido pela nona rodada da fase de grupos da Terceirona, e venceu o clássico maranhense por 3 a 0.

Depois de um início de jogo equilibrado, o Imperatriz foi ao ataque e abriu o placar aos 20 minutos, com Matheus Lima, que cobrou pênalti com perfeição após Gabriel Caju ser derrubado por Moisés na grande área. O Cavalo de Aço manteve o ritmo na etapa final e ampliou a vantagem aos quatro minutos: após cruzamento de Dos Santos, Vitor Xavier não desperdiçou a chance e balançou as redes. Aos 19, o artilheiro Matheus Lima anotou o terceiro gol do Imperatriz e fechou o placar no Frei Epifânio.

Com a vitória no Frei Epifânio, o time do Imperatriz chegou aos 11 pontos em nove jogos e assumiu a sexta colocação do Grupo 1 da Série C. Agora, o Cavalo de Aço tem cinco pontos a mais que o Treze, primeiro time da zona de rebaixamento. Já o Sampaio Corrêa, com 14 pontos, cai três posições e encerra o primeiro turno da Terceirona em quinto lugar no Grupo 1, fora da zona de classificação para as quartas de final.

A próxima partida do Imperatriz na Série C está marcada para a tarde deste sábado (29), às 17h, contra o Globo (RN), no Estádio Barrettão, em Ceará-Mirim. O Sampaio Corrêa, por sua vez, recebe o Confiança na noite deste domingo (30), às 18h, no Estádio Castelão. Vale lembrar: os compromissos do Cavalo de Aço e da Bolívia Querida terão cobertura completa do Imirante Esporte, além da transmissão da rádio Mirante AM.

O jogo

Precisando da vitória para encostar no líder Ferroviário, o Sampaio Corrêa tomou a iniciativa diante do Imperatriz, mesmo com a pressão da torcida colorada no Frei Epifânio. Nos primeiros 15 minutos de jogo, a Bolívia Querida investiu nas jogadas pelas pontas e nos cruzamentos para a grande área, dando trabalho aos marcadores do Cavalo de Aço. O bom início do Sampaio, entretanto, não abateu o Imperatriz, que impôs aos poucos seu estilo de jogo e abriu o placar aos 20 minutos: após Gabriel Caju ser derrubado por Moisés na grande área, Matheus Lima cobrou pênalti com categoria e fez o primeiro gol dos donos da casa.

Mesmo depois do gol do Imperatriz, o cenário da partida não mudou: enquanto o Cavalo de Aço explorava os contragolpes, o Sampaio Corrêa trocava passes no campo de ataque, procurando espaços na defesa colorada. Esquerdinha, aos 22 minutos, arriscou o chute e quase empatou o jogo no Frei Epifânio. Pouco depois, aos 28, João Paulo finalizou bem e foi travado por Gustavo Henrique, que jogou a bola pela linha de fundo.

Como o Sampaio Corrêa não conseguia balançar as redes, o Imperatriz avançou suas linhas e criou oportunidades na reta final do primeiro tempo. Aos 38 minutos, Xaves foi lançado por Vitor Xavier e arriscou o chute, que foi defendido por Andrey. Já aos 43, Matheus Lima recebeu na grande área e tentou encobrir Andrey, mas a finalização foi para fora.

Imperatriz domina Sampaio e confirma vitória em casa

Depois de um primeiro tempo regular, mesmo com o prejuízo no placar, o Sampaio Corrêa tentou manter o ritmo na etapa final e assustou o Imperatriz com menos de um minuto: após cruzamento de Esquerdinha, Jean teve que sair do gol e afastar a bola da grande área com um soco. A tentativa do Tubarão, entretanto, foi ofuscada pela eficiência do Cavalo de Aço, que marcou o segundo gol aos quatro minutos, com Vitor Xavier, que recebeu passe do estreante Dos Santos e não desperdiçou a oportunidade.

O gol animou de vez o Imperatriz, que assumiu o domínio completo da partida e encaminhou a vitória aos 19 minutos: após receber lançamento em profundidade, Matheus Lima esperou a saída de Andrey e finalizou bem, para festa da torcida colorada no Frei Epifânio. Abatido, o Sampaio tentou uma reação em cobrança de falta de Esquerdinha, aos 25, sem sucesso.

Perto da vitória, o Imperatriz diminuiu o ritmo nos últimos minutos, enquanto o Sampaio Corrêa tentava um gol para se manter vivo na partida. Cleitinho, aos 37, arriscou o chute para fora, e Eloir, aos 39, desperdiçou uma finalização livre na grande área. O Cavalo de Aço ainda teve a chance de marcar o quarto gol com Leandro Mineiro, aos 46, em chute que saiu pela linha de fundo, mas o lance não fez falta para os donos da casa, que comemoraram uma vitória inquestionável no clássico maranhense.

FICHA TÉCNICA

IMPERATRIZ: Jean; Jonas, Gustavo Henrique, Renan Dutra e Wesley; Xaves, Da Silva (Dos Santos) e Gabriel Caju (Leandro Mineiro); Lucas Silva, Matheus Lima e Vitor Xavier (Manoel). Treinador: Paulinho Kobayashi

SAMPAIO CORRÊA: Andrey; Diogo Rangel (Lucas Lucena), Moisés, Paulo Sérgio e Patric Calmon; Dedé, Eloir, Esquerdinha (Cleitinho), Everton e João Paulo (Gustavinho); Welder. Treinador: Julinho Camargo

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.