Feminino

Palmeiras goleia Real Brasília e segue na ponta do Brasileiro Feminino

São Paulo, Atlético-MG e Avaí/Kindermann também vencem na 7ª rodada.

Lincoln Chaves / Agência Brasil

A equipe alviverde foi a 19 pontos, enquanto as Leoas do Cerrado permanecem com sete pontos, deixando o G8 e caindo para o décimo lugar.
A equipe alviverde foi a 19 pontos, enquanto as Leoas do Cerrado permanecem com sete pontos, deixando o G8 e caindo para o décimo lugar. (Rebeca Reis / Staff Images)

SÃO PAULO - O Palmeiras garantiu, por mais uma rodada, a liderança da Série A1 (primeira divisão) do Campeonato Brasileiro Feminino. Neste domingo (24), as Palestrinas derrotaram o Real Brasília por 4 a 1 no Canindé, em São Paulo. A equipe alviverde foi a 19 pontos, enquanto as Leoas do Cerrado permanecem com sete pontos, deixando o G8 e caindo para o décimo lugar.

O placar abriu aos 11 minutos do primeiro tempo. A zagueira Day Silva cruzou pela esquerda e a meia Duda Santos mandou para as redes, colocando o Palmeiras à frente. O Real Brasília igualou nove minutos depois, com Maria Dias. Ela foi lançada pela também atacante Gaby Soares, às costas da zagueira Thaís, batendo na saída da goleira Jhully.

O Verdão deslanchou na etapa final, com três gols em cinco minutos. Aos quatro, Bia Zaneratto marcou um golaço, batendo colocado da entrada da área, no ângulo. No lance seguinte, a também atacante Chú arriscou de fora da área e acertou o canto direito da goleira Dida. Aos oito minutos, Dida salvou o chute de Duda Santos, mas a lateral Bruna Calderan, na sobra, fechou o marcador.

Quem poderia encostar no Palmeiras era o Internacional, mas as Gurias Coloradas empataram por 1 a 1 com o Flamengo no estádio Cristo-Rei, em São Leopoldo (RS). As gaúchas estão na vice-liderança, com 16 pontos, mas podem ser ultrapassadas por Corinthians e (ou) Ferroviária na sequência da rodada. O Rubro-Negro caiu para oitavo, com nove pontos, torcendo por um tropeço do Grêmio para continuar no G8.

Aos 18 minutos do primeiro tempo, a zagueira Isa Haas cometeu pênalti em cima de Leidiane. A também meia Duda cobrou e fez o gol das cariocas. Aos 42, a atacante Millene, na frente da goleira Kaká, deixou tudo igual.

Outro clube paulista a vencer neste domingo foi o São Paulo, que superou o Esmac no estádio Baenão, em Belém, por 4 a 1. As Soberanas foram a 14 pontos, na terceira posição. As paraenses seguem com quatro pontos, na 15ª e penúltima colocação.

O Tricolor saiu na frente com um minuto de jogo. A lateral Dani cruzou na área pela esquerda e a atacante Rafa Travalão matou no peito e fez um golaço. Aos 11 minutos, A meia Lari Sanchez igualou para as anfitriãs, mas Rafa Travalão recolocou as paulistas na dianteira aos 15, ao ser lançada pela atacante Moniquinha. Seis minutos depois, a lateral Fê Palermo, de cabeça, aumentou a vantagem são-paulina. Na etapa final, aos 43 minutos, a atacante Cacau encobriu a goleira Letícia Bussato para definir o placar.

No Abadião, em Ceilândia (DF), o Atlético-MG derrotou o Cresspom por 3 a 0 e assumiu o sétimo lugar, com nove pontos. As Tigresas do Cerrado, com cinco pontos, permanecem na 14ª posição, na zona de rebaixamento à Série A2 (segunda divisão).

O triunfo das Vingadoras foi todo construído no segundo tempo. Aos três minutos, a meia Marta completou cruzamento rasteiro que veio da direita e mandou no canto esquerdo da goleira Letícia Rodrigues. Aos 14, a zagueira Bruna Cotrim, de cabeça, ampliou para o Atlético. A atacante Nath Faben, aos 25 minutos, deu números finais à partida.

Quem continua em situação delicada é o Red Bull Bragantino. Atual campeão da Série A2, o Massa Bruta perdeu do Avaí/Kindermann por 1 a 0 no estádio Salézio Kindermann, em Caçador (SC). As paulistas estão na lanterna do Brasileiro, com apenas um ponto em sete rodadas. As Leoas catarinenses chegaram aos oito pontos, em nono lugar.

O gol da vitória saiu aos 17 minutos do segundo tempo, com Laís. A camisa 14 foi lançada na ponta direita da área pela também meia Vilma, esperou a bola quicar no gramado e soltou a bomba, sem chances para a goleira Karol Alves.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.