Com Lidiane Leite foragida...

Prefeitura de Bom Jardim está sem administrador e ninguém pode assumir cargo

Lidiane só poderá ser afastada caso a Justiça determine ou suspenda uma liminar obtida por ela que impede a Câmara dos Vereadores de realizar o processo.
Imirante.com21/08/2015 às 20h31

BOM JARDIM - Foragida da Polícia Federal desde quinta-feira (20), Lidiane Leite deixou a prefeitura de Bom Jardim sem nenhum administrador. Por ainda estar no cargo, ela impede, assim, que a vice-prefeita Malrinete Gralhadas assuma a gestão do município. Lidiane só poderá ser afastada caso a Justiça determine ou suspenda uma liminar obtida por ela que impede a Câmara dos Vereadores de realizar o processo.

Em 2014, a prefeita foi afastada pelos vereadores porque descumpriu ordens judiciais relativas à regularização das aulas na educação infantil e fundamental, fornecimento de merenda e transporte escolar. Ela ainda sofreu o processo mais duas vezes no mesmo ano e, então, resolveu pedir na Justiça a medida que proíbe a câmara de lhe distanciar da gestão.

Investigação

Após denúncias de agricultores cadastrados para fornecer alimentos a escolas de Bom Jardim, a PF começou uma investigação sobre o desvio de milhões que deveriam ser aplicados na merenda e na reforma das escolas.

No esquema da merenda, supõe-se que eram subtraídos valores a serem repassados aos agricultores, cerca de R$ 18 mil por cada contrato firmado. Na reforma de escolas, estão sendo apuradas irregularidades em contratos com empresas que não existem.

Prisões

Até o momento, foram presos Antônio Cesariano, o ex-secretário de Agricultura, e Beto Rocha, ex-secretário de Assuntos Políticos e ex-namorado de Lidiane. Eles vieram a São Luís realizar o exame de corpo de delito no Instituto Médico Legal (IML) para, após, serem encaminhados ao Complexo Penitenciário de Pedrinhas.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.