IMPERATRIZ
Em Imperatriz

Justiça Eleitoral recebe pedido de impugnação do mandato de um vereador de Imperatriz

  •  
  •  

O prazo para pedir a impugnação de mandato de eleitos termina nesta quinta (29).

0
Após vitória nas urnas, candidato teve pedido de impugnação de seu mandato.
Após vitória nas urnas, candidato teve pedido de impugnação de seu mandato. - Foto: José Cruz/Agência Brasil

IMPERATRIZ – Encerra-se nesta quinta-feira (29), o prazo para quem desejar ingressar com ação de impugnação de mandato eletivo de eleitos nas eleições de outubro deste ano. Até ao meio dia, apenas uma ação havia sido protocolada contra um vereador eleito em Imperatriz, cujo processo corre em segredo de Justiça.

Desde a diplomação dos eleitos, realizada no dia 14 de dezembro, foram contados quinze dias em que a Justiça Eleitoral ficou de plantão para receber ações de impugnação de mandato por parte de partidos políticos, Ministério Público e candidatos contra eleitos pela suposta pratica de crimes eleitorais.

“Eles têm aí a oportunidade de protocolar junto a Justiça esse peticionamento de impugnação do mandato eletivo e apresentar as provas que fundamentaram, na verdade, esse pedido (...)”, disse o chefe do cartório da 33ª Zona Eleitoral, José Sousa.

O pedido de impugnação será julgado posteriormente por um juiz eleitoral, segundo José Sousa, que arrematou: “todo o procedimento vai ser adotado, isso de fato é sigiloso, mas ao final a população vai saber quem foi julgado e o resultado porque vai ser feita a publicação da sentença e a população vai saber se aquilo prosperou ou foi só alguém resignado, insatisfeito “.

Ouça trecho da entrevista do chefe do Cartório da 33ª Zona Eleitoral, José Sousa:

Leia outras notícias em imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, Snapchat, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no YouTube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2383.

plantão i

    enquete

    PARTICIPE

    Você acredita em uma estabilidade econômica a curto prazo?

    PARTICIPAR VER PARCIAL

    redes sociais