Série B

Sampaio Corrêa empata com o Macaé e deixa o G-4

Em jogo movimentado no Moacyrzão, o Tricolor não conseguiu bater o Alvianil.
Gustavo Arruda / Imirante29/08/2015 às 18h47

MACAÉ – Antes de rolar a bola no Estádio Moacyrzão, na tarde deste sábado (29), pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro Série B, Macaé e Sampaio Corrêa tinham objetivos distintos, que só seriam alcançados com uma vitória: enquanto o Alvianil Praiano buscava uma recuperação na tabela da Segundona, a Bolívia Querida sonhava com a vice-liderança da competição nacional. No fim das contas, as duas equipes saíram no prejuízo: depois de um confronto marcado pela forte movimentação, Macaé e Sampaio empataram em 1 a 1, para frustração de seus torcedores.

Depois de suportar a pressão inicial do Sampaio Corrêa, o Macaé aproveitou o fator casa e abriu o placar aos 35 minutos do primeiro tempo, com Fernando Neto, que recebeu na grande área e bateu forte, o suficiente para vencer Rodrigo. O Tricolor, porém, não se rendeu e buscou o empate na reta final da primeira etapa, com Pimentinha. No segundo tempo, o Sampaio teve boas chances para virar o placar, principalmente nos minutos finais, mas o goleiro Rafael salvou o Macaé.

Com o empate em casa, o Macaé completou o seu nono jogo seguido sem vitória e caiu para a 16ª colocação, no limite da zona de rebaixamento, com 25 pontos. O Sampaio, que não vence como visitante há dois meses e meio, chegou aos 35 pontos, mas foi ultrapassado pelo Paysandu e encerra a rodada fora do G-4.

Na próxima rodada da Série B, que será disputada nesta terça-feira (1º), o Sampaio Corrêa volta aos braços de sua torcida, no Estádio Castelão, onde receberá o Mogi Mirim. A partida, que começa às 20h30, terá transmissão minuto a minuto e cobertura completa do Imirante Esporte. O Macaé visita o Oeste, no Estádio Prefeito José Liberatti, em Osasco.

O jogo

Disposto a melhorar sua campanha como visitante na Segundona, o Sampaio Corrêa precisou de poucos segundos para ameaçar o Macaé: logo no primeiro minuto, Válber arriscou da entrada da área e quase abriu o placar no Moacyrzão. Melhor nos primeiros instantes de partida, o Bolivão tocava a bola no campo de ataque e esperava os erros do Macaé, mas o Alvianil Praiano equilibrou o jogo aos poucos, ameaçando em jogadas rápidas e cruzamentos para a grande área.

Com o crescimento do Macaé na partida, a resposta do Sampaio Corrêa veio através da individualidade de Pimentinha: aos 28 minutos, o camisa 11 passou por Renato Santos e chutou colocado, mas Rafael fez grande defesa. O lance animou o Macaé, que balançou as redes na primeira grande oportunidade que teve: Fernando Neto, aos 35 minutos, recebeu na grande área e chutou cruzado, por baixo de Rodrigo.

O gol foi a senha para que o Sampaio voltasse a atacar, enquanto o Macaé, satisfeito com a vitória parcial, recuou. Logo no lance seguinte ao gol, Pimentinha passou pela marcação e cruzou para a grande área, mas a defesa macaense afastou o perigo. Anselmo, aos 39 minutos, ainda tentou ampliar a vantagem do Macaé, em chute de fora da área, mas a insistência do Sampaio deu resultado: aos 44 minutos, Diones fez o cruzamento, Douglas desviou e Pimentinha mandou para o fundo das redes, decretando o empate no Moacyrzão.

Sampaio perde gols e vaga no G-4

Assim como no primeiro tempo, o Sampaio Corrêa pressionou o Macaé nos primeiros minutos da etapa final. Em menos de cinco minutos, o goleiro Rafael fez duas grandes defesas, em finalizações de Douglas e Willian Simões. O Macaé, mesmo acuado, soube trabalhar bem a bola e avançou em alguns momentos, mas a defesa tricolor estava atenta e travava todas as tentativas do Alvianil Praiano.

Enquanto o Macaé tentava responder à altura, o Sampaio continuava melhor no jogo e desperdiçando oportunidades. Aos 22 minutos, Válber não aproveitou rebote de Rafael, após cruzamento de Willian Simões, e tocou a bola para fora. Os donos da casa só responderam aos 36 minutos, em cobrança de falta do lateral Diego Corrêa, que tirou tinta da trave de Rodrigo. Pouco depois, o ataque macaense quase fez o segundo, após bate-rebate na pequena área, mas os zagueiros do Sampaio afastaram o perigo.

Depois de mais um lance de perigo, o Sampaio acordou, mas perdeu grandes chances. Aos 38 minutos, Jheimy recebeu na grande área e chutou para fora, enquanto Nadson, pouco depois, apareceu livre e chutou fraco, nas mãos de Rafael. O Macaé teve uma última chance, com Marquinho, mas a pressão era toda do Sampaio: aos 45 minutos, após belo cruzamento de letra de Válber, Nadson encheu o pé, mas Rafael, bem posicionado, fez mais um milagre e impediu a vitória tricolor no Moacyrzão.

FICHA TÉCNICA

MACAÉ: Rafael; Henrique, Brinner, Renato Santos e Diego Corrêa; Alisson, Thiago Cardoso e Fernando Neto; Jones (Marquinho), Pipico (Aloísio) e Anselmo (Romário). T: Josué Teixeira

SAMPAIO CORRÊA: Rodrigo; Daniel Damião, Plínio, Mimica e Willian Simões; Léo Salino (Dê), Diones, Nadson e Válber; Pimentinha (Edgar) e Douglas (Jheimy). T: Léo Condé

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2017 - Todos os direitos reservados.