Greve

Correios anunciam fim de greve de 12 dias

G1 29/09/2009 às 06h12

A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos anunciou ontem que acabou a greve dos funcionários da empresa iniciada no dia 16. A Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas de Correios e Telégrafos não confirmou a informação.

Segundo o secretário-geral da federação, José Rivaldo, quatro sindicatos fariam assembleia no final d tarde para decidir se continuavam em greve. A entidade, no entanto, ainda não sabe o resultado das assembleias. “Até o final do dia faltava Sergipe, Espírito Santo, Roraima e Belo Horizonte”, disse.

O reajuste salarial dos servidores da estatal será decidido pela Justiça do Trabalho. Segundo a ECT, serão necessários de sete a 10 dias para resolver os atrasos na entrega. Por causa da greve, de acordo com números de hoje, 42,3 milhões de correspondências e 182,2 mil encomendas estavam retidas nos centros de distribuição dos Correios.

A questão do reajuste dos funcionários terá de ser julgada pelo Tribunal Superior do Trabalho (TST), porque que a estatal não conseguiu alcançar o mínimo de 18 sindicatos favoráveis à sua proposta. Apenas 16 sindicatos votaram a favor do aumento salarial de 9% proposto pela ECT. A empresa se comprometeu também a pagar um adicional de R$ 100, a partir de janeiro de 2010, mais reajuste no vale-refeição.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.