Esporte | Decepção!

Sem ânimo após vitória épica, Sampaio perde em casa e fica longe do G-4

Dias depois de bater o Vasco em jogão, a Bolívia Querida perde para o Vitória, que luta contra o rebaixamento, e decepciona a torcida no estádio Castelão
Eduardo Lindoso/ Editor de Esportes 12/10/2021 às 21h01
Sem ânimo após vitória épica, Sampaio perde em casa e fica longe do G-4Sampaio foi superado pelo Vitória no Castelão (John Tavares/Sampaio Corrêa)

SÃO LUÍS – O Vitória parecia o Sampaio Corrêa que bateu o Vasco na rodada passada. Com mais vibração, postura defensiva sólida e vibração, o time da Bahia venceu mesmo atuando no Castelão, interrompeu uma sequência de sete jogos sem vitória, e, de quebra, freou o ímpeto da Bolívia Querida, que queria voltar a se aproximar do G-4 desta Série B. Esse tropeço por 1 x 0 em casa não estava nos planos do Tricolor, que vinha de uma vitória épica em sua última partida.

Na agenda

Na próxima rodada, o Sampaio Corrêa visita o Coritiba, às 21h, na terça-feira, 19, no Couto Pereira, pela 31ª rodada da Série B. Já o Vitória segue na luta contra o rebaixamento e recebe o Brasil de Pelotas, no sábado, 23, às 16h30, no Barradão, em Salvador.

Na tabela

Com essa derrota, o Sampaio Corrêa se manteve com 40 pontos, na 10ª posição, mas pode ser ultrapassado. O Vitória chegou aos 20, mas segue na zona de rebaixamento, na 18ª colocação.

Sampaio sem nenhum chute ao gol

Pressionado, o Vitória começou a partida com tudo, acionando o atacante Marcinho, mas a zaga do Sampaio, firme, segurou esse ímpeto. Quando o time da casa tentava entrar no jogo, aos quatro minutos, o time baiano abriu o placar: Eduardo sofreu falta, bateu rasteiro, contou com o desvio, e fez 1 x 0 no Castelão.

Depois do gol, o Sampaio tentava ficar mais tempo com a bola, mas o Vitória seguia saindo bem na transição da defesa para o ataque, tirando o controle do jogo do Tricolor. Pimentinha era acionado, mas, bem marcado, não conseguia dar procedimento nas jogadas. Sem domínio da partida, o técnico Felipe Surian pedia aos seus jogadores para subirem as linhas de marcação, mas o Leão seguia bem postado e sedia espaços. Muito marcado pelo lateral Roberto, Pimentinha já mostrava pouca paciência.

Bem mais postado no campo, o Vitória seguia mais perigoso. Aos 24 minutos, Marcinho arriscou de fora da área, um chute rasteiro, e Luiz Daniel defendeu. Em seguida, o Vitória voltou a criar uma boa triangulação, mas a defesa tricolor conseguiu afastar.

Aos 39, o atacante Manoel quase ampliava para o Vitória. Após bom cruzamento, o camisa nove perdeu o tempo de bola e, sem marcação, perdeu uma boa chance de ampliar o placar. Aos 47, Pimentinha fez boa jogada, foi derrubado, Ciel cobrou a falta e bateu na barreira. Sampaio não deu um chute no gol do goleiro Lucas Arcanjo nesta primeira etapa.

Chances desperdiçadas e derrota em casa

A segunda etapa começou como a primeira terminou. Com menos de cinco minutos Eduardo mandou um chute na direção do gol de Luiz Daniel. Logo depois, Jean Silva, que entrou no intervalo, arriscou para o Sampaio, mas também errou o alvo. Um minuto depois Ciel também chutou fraco, mas pelo menos acertou gol, enfim. Lucas Arcanjo fez a defesa com tranquilidade.

Na resposta, Fabinho mandou um bom chute, mas Luiz Daniel também defendeu com facilidade. Aos nove, Wallace acertou uma cabeçada perigosa, que raspou a trave, mais um susto na torcida do Sampaio.

Daí em diante o jogo perdeu um pouco o ritmo e passou a ter poucas chances de gols. Aos 25 o Sampaio chegou em bom cruzamento, mas Lucas Arcanjo se antecipou e fez a defesa. Aos 33 Pimentinha fez a melhor jogada, até então, do Sampaio, limpou a defesa, foi na linha de fundo e tocou para Léo Arthur, que desperdiçou uma ótima oportunidade.

Já nos acréscimos Pimentinha cruzou uma bola açucarada para Jean Silva, que cabeceou para fora e perdeu uma chance incrível. Fim de jogo e derrota em casa do Sampaio.

FICHA TÉCNICA

SAMPAIO CORRÊA 0 X 1 VITÓRIA

Local: Estádio Castelão (São Luís/MA)//

Data: 12 de outubro de 2021 (Terça-feira) //

Horário: 19h //

Árbitro: Luiz Augusto Silveira Tisne (SC)//

Assistentes: Kléber Lucio Gil (SC) e Gizeli

Casaril (SC)

SAMPAIO CORRÊA

Luiz Daniel, Watson, Allan Godói, Nilson Júnior e Alyson (Mascarenhas); Baraka (Jean Silva), Marcio Araujo (Léo Arthur), Eloir e Nadson (Ferreira); Pimentinha e Ciel (Jackson)

Técnico: F. Surian

VITÓRIA

Lucas Arcanjo, Van, Wallace Reis, Mateus Moraes e Roberto; João Pedro, Bruno Oliveira (Cedric) e Eduardo; Fabinho, Manoel (Samuel) e Marcinho (David)

Técnico: Wagner Lopes

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte