Esporte | Rally dos Sertões

Piloto maranhense vai representar o Estado na categoria "Quadri FIM"

Atual campeão, Marcelo Medeiros disputa pela nona vez uma edição da maior prova off-road da América Latina
29/07/2021 às 16h30
Piloto maranhense vai representar o Estado na categoria "Quadri FIM"Marcelo Medeiros chega em sua nona edição do Sertões (Divulgação)

SÃO LUÍS - O piloto maranhense Marcelo Medeiros já se considera um veterano da maior competição off-road da América Latina, o Sertões, que será disputado por ele pela nona vez a partir do próximo dia 13 de agosto de 2021, com largada em Pipa (RN), e com um total de 3.544 quilômetros.

Medeiros vai disputar o Sertões 2021 pela equipe Taguatur Racing na categoria Quadri FIM, com um Yamaha (YFM 700). Ele já foi tetracampeão da categoria em 2012, 2015, 2019, 2020, além de deter o vice em 2013, e quer brigar pela vitória este ano, e para tal não tem economizado em treinos com sua equipe.

"Quero obter um bom resultado como nos anos dos títulos conquistados. Estou confiante e quero representar bem o meu Estado, o Maranhão, e honrar a confiança que meus patrocinadores depositaram em nossa equipe", destaca o piloto, que começou a correr aos 11 anos de idade, pilotando um kart e sempre incentivado pela família.

Com vários títulos no currículo como kartista, Medeiros sempre sonhou com a prova do rali do Sertões, mas precisou esperar até completar 18 anos para poder entrar na prova.

Perseverança e garra são combustíveis necessários para quem quer ir longe no caro e concorrido esporte off-road; e isso Marcelo Medeiros tem de sobra, além de muito planejamento e estratégia, que ocorre durante todo ano, com treinos incansáveis em terrenos parecidos com os que enfrentará na competição.

“Graças à Lei de Incentivo ao Esporte do Estado do Maranhão, e o apoio do Secretário Estadual de Esportes e Lazer, Rogério Cafeteira e do empresário José Gonçalves do Centro Elétrico, eu conseguirei custear parte dos recursos necessários para viajar para este novo desafio. Conquistado através da parceria com o Grupo Oito, da produtora executiva Cássia Melo, especialista em Lei de Incentivo no Maranhão. A lei faz toda diferença na vida dos atletas de todas as categorias esportivas do Estado, e permite investir na nossa carreira, e em nossa equipe. Sou bastante grato a estes parceiros”, declarou o piloto, que já realizou também outro sonho de disputar a maior prova off-road do mundo, o Rally Dakar.

Sertões 2021: nove dias de prova e muitos desafios

A largada da 29ª edição do Sertões será na belíssima praia do Pipa, em Tibal do Sul (RN), dia 14 de agosto. O prólogo será em linha, em estrada de terra, próximo a Pipa, dia 13 de agosto, para definir a ordem de largada em todas as categorias. O rali passará por trilhas pelo Nordeste, por sete dos nove estados do Nordeste – RN, PB, PE, PI, BA, AL e CE.

A chegada ocorrerá também no litoral, na praia de Carneiros em Tamandaré (PE), dia 22 de agosto, com a cerimônia de premiação. A caravana fará pernoite nas cidades anfitriãs: Tibal do Sul (RN), Patos (PB), Araripina (PE), São Raimundo Nonato (PI), Xique-Xique (BA), Petrolina (PE), Delmiro Gouveia (AL), Arapiraca (AL) e Tamandaré (PE).

A etapa quatro será a segunda parte da maratona e terá formato de laço, com a chegada no mesmo local da largada, a cidade de São Raimundo Nonato (PI). A quinta etapa, que vai de São Raimundo Nonato (PI) à Xique-Xique (BA), está prevista como a única maratona do Sertões 2021, quando os competidores não poderão receber manutenção da equipe de apoio quando chegarem à Xique-Xique (BA). Após concluída, as equipes estarão liberadas para fazer manutenção nos veículos.

“É um roteiro totalmente diferente dos anos anteriores. Isso mostra a diversidade de terreno", destaca Marcelo Medeiros.

Marcelo Medeiros conta com patrocínio do Governo do Estado do Maranhão e do Centro Elétrico, por meio da Lei Estadual de Incentivo ao Esporte, no Sertões.

O ROTEIRO DO SERTÕES 2021

Sexta-feira, 13/08 - Prólogo – 11 km

Sábado, 14/08 - 1ª etapa: Pipa (RN) / Patos (PB)

DI – 82 km | DE – 235 km | DF - 93,2 km | Total= 410 km

Domingo, 15/08 - 2ª etapa: Patos (PB) / Araripina (PE)

DI – 27 km | TE – 245 km | DF – 237 km | Total = 509 km

Segunda-feira, 16/08 - 3ª etapa: Araripina (PE) / São Raimundo Nonato (PI)

DI -146 km | TE – 220 km | DF 38 km | Total= 404 Km

Terça-Feira, 17/08 - 4ª etapa: S. R. Nonato (PI) / S. Raimundo Nonato (PI)

DI – 0 km |TE – 306 km |DF – 5 km | Total= 311 km

Quarta-feira, 18/08 - 5ª etapa: S. Raimundo Nonato (PI) / Xique-Xique (BA)

DI – 11 km | TE – 329 km | DF – 93 km |Total = 433 km (MARATONA)

Quinta-feira, 19/08 - 6ª etapa: Xique-Xique (BA) / Petrolina (PE)

DI – 0 km | TE – 310 km | DF – 146 km |Total = 456 km (FIM MARATONA)

Sexta-feira, 20/08 - 7ª etapa: Petrolina (PE) / Delmiro Gouveia (AL)

DI – 133 km | TE – 242 km | DF – 60 km |TOTAL= 435 km

Sábado, 21/08 - 8ª etapa: Delmiro Gouveia (AL) / Arapiraca (AL)

DI – 7 km | TE – 152 km | DF – 80 km | TOTAL= 235 km

Domingo, 22/08 - 9ªetapa: Arapiraca (AL) / Tamandaré (PE)

DI – 190 km | TE – 141 km | DF – 20 km | TOTAL= 351 km

TOTAL GERAL= 3.548 km | TOTAL DE ESPECIAIS= 2.180 km

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte