Esporte | De saída!

Moto Club faz "limpa" no elenco e o até técnico Dejair Ferreira segue ameaçado

Diretoria anunciou saída de três atletas, outro ainda devem sair também, e comissão técnica não tem presença garantida
29/09/2020 às 17h19
Moto Club faz "limpa" no elenco e o até técnico Dejair Ferreira segue ameaçadoAncelmo deixou o Moto Club nesta terça-feira (29) (Gaudêncio Carvalho/Moto Club)

SÃO LUÍS – Um dia antes de entrar em campo pela segunda vez na Série D, o Moto Club começa a fazer uma “limpa” no seu elenco, que caiu de rendimento justamente na reta final do Campeonato Maranhense. Camisa 10 e artilheiro da equipe, escolhido um dos melhores meias do campeonato, Ancelmo foi desligado do clube, assim como o volante Amaral e o atacante Sílvio Tapajós. Alguns atletas ainda podem sair, inclusive a própria comissão técnica.

Melhor time da primeira fase do Estadual, o Moto Club caiu bastante de produção na reta final, passou se arrastando pelas semifinais, quando eliminou o São José nos pênalti, e no segundo jogo da final foi completamente dominado pelo rival Sampaio, perdendo o título após ser derrotado por 2 x 0. A diretoria não confirma, mas esse comportamento da equipe desagradou bastante. Até o então prestigiado técnico Dejair Ferreira tem seu cargo ameaçado, mas, até o momento, segue no comando da equipe.

O Moto Club volta a campo, nesta quarta-feira, 30, às 15, no estádio Felipão, para enfrentar o Altos-PI, no interior do Piauí, pela 3ª rodada do Grupo 2 da Série D.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte