Esporte | Ajuda

Pandemia: clubes maranhenses vão receber "doação" financeira da CBF

Entidade liberou R$ 19 milhões, a título de doação, e Imperatriz, Moto Club, Juventude e Juventude Timonense serão beneficiados
07/04/2020 às 17h09
Pandemia: clubes maranhenses vão receber "doação" financeira da CBFMoto Club será um dos times beneficiados no Maranhão (Biné Morais / O ESTADO)

SÃO LUÍS – A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou, nesta terça-feira, 7, que vai disponibilizar R$ 19 milhões, a título de doação, para clubes do futebol brasileiro que disputam as Série C e D e equipes do futebol feminino das Séries A1 e A2. Segundo a entidade, 140 clubes do país serão beneficiados, entre eles Imperatriz (Série C), Moto Club e Juventude (Série D) e no futebol feminino, com o Juventude Timonense (Série A2).

Segundo a CBF, a ideia é “colaborar para que esses clubes possam cumprir seus compromissos com os jogadores e jogadoras durante o período de paralisação do futebol. Além disso”. Além dos clubes, a entidade decidiu doar para cada uma das Federações Estaduais o valor de R$ 120.000,00 (Cento e vinte mil reais), sendo assim esse valor será destinado à Federação Maranhense de Futebol (FMF).

Para os 68 clubes da Série D, o auxílio individual será de R$ 120.000,00 (Cento e vinte mil reais), num total de R$ 8.160.000,00 (Oito milhões, cento e sessenta mil reais). Para os 20 clubes da Série C, o auxílio individual será de R$ 200.000,00 (Duzentos mil reais), num total de R$ 4.000.000,00 (Quatro milhões de reais).

Futebol feminino

Para os 16 clubes da Série A1 do Campeonato Brasileiro Feminino, o auxílio individual será de R$ 120.000,00 (Cento e vinte mil reais), somando R$ 1.920.000,00 (Um milhão, novecentos e vinte mil reais).

Para os 36 clubes da Série A2 do Campeonato Brasileiro Feminino, o auxílio por clube será de 50.000,00 (Cinquenta mil reais), com o desembolso total, pela CBF, de R$ 1.800.000,00 (Um milhão e oitocentos mil reais).

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte