Política | Responsabilidade

Apenas um maranhense entre os 54 deputados que não faltaram sessões em 2019

Levantamento revela que pouco mais de 10% dos deputados federais não tiveram nenhuma falta em sessões deliberativas no primeiro semestre de 2019
José Linhares Jr06/08/2019 às 17h17
Apenas um maranhense entre os 54 deputados que não faltaram sessões em 2019Eduardo Braide é o único maranhense entre os 54 deputados que não faltaram a sessões deliberativas em 2019 (Reprodução)

Pouco mais de 10% dos deputados federais brasileiros não tiveram nenhuma falta nas 86 sessões deliberativas do primeiro semestre de 2019. Um levantamento apresentado hoje pelo Congresso em Foco revela que apenas 54 dos 513 deputados registraram presença em todas as sessões deliberativas realizadas no plenário no primeiro semestre deste ano. O número é maior que o registrado no início da legislatura anterior. O único maranhense da lista é o deputado federal Eduardo Braide (PMN).

PSL, PSD e PSB reúnem 18 dos 54 deputados mais presentes. As três legendas ocupam o primeiro lugar em número de parlamentares com frequência total com sessões deliberativas.

Segundo a Câmara dos Deputados, os deputados teriam que registrar presença em 86 sessões deliberativas, realizadas ao longo de 59 dos 166 dias do primeiro semestre parlamentar. E 54 parlamentares cumpriram essa obrigação, além de um suplente que participou das 84 sessões realizadas depois que assumiu uma cadeira na Casa – Ted Conti (PSB-ES). São deputados filiados a 18 partidos diferentes que deixam clara a renovação do plenário: 29 dos 54 parlamentares que registraram 100% de assiduidade estão no primeiro mandato.

Eduardo Braide ocupa seu primeiro mandato como deputado federal. Campeão de votos nas eleições de 2018, o deputado teve a companhia de outros recém-chegados como Adriana Ventura (Novo-SP), Célio Studart (PV-PE), Guilherme Derrite (PP-SP), Rodrigo Agostinho (PSB-SP) e Silvia Cristina (PDT-RO).

Entre os veteranos que não faltaram a nenhuma sessão estão os deputados Aliel Machado (PSB-PR), Capitão Augusto (PR-SP), Erika Kokay (PT-DF), Fábio Trad (PSD-MS), Lincoln Portela (PR-MG), Marcio Alvino (PR-SP) e Miguel Lombardi (PR-SP).

O deputado maranhense Hildo Rocha (MDB) estava na lista de 2015, mas saiu por faltas não-justificadas em 2019.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte