Esporte | Brilho nos tatames

Maranhense leva o bronze e segue no top 3 do karatê nacional

Radhyja do Carmo ficou na 3ª colocação na etapa inicial do Campeonato Brasileiro e agora se prepara para final
28/03/2019 às 16h52
Radhyja do Carmo exibiu bandeira do Maranhão no pódio

SÃO LUÍS – Maior destaque maranhense na categoria sub-12 do karatê, Radhyja do Carmo Silva Costa terminou 2018 em alta, entre as três melhores atletas do país , e iniciou 2019 novamente no mesmo ritmo. Com o calendário cheio para esta temporada, a karateca iniciou este ano conquistando a 1ª etapa do Campeonato Maranhense e, nesta quinta-feira (28), ela terminou a etapa inicial do Campeonato Brasileiro, em Brasília, com a medalha de bronze, se manteve no top 3 nacional, e agora vai disputar a final brasileira.

Agora a maranhense volta a competir em outros campeonatos enquanto espera a grande final do Campeonato Brasileiro, que acontecerá, em outubro, na cidade de Gramado, no Rio Grande do Sul. Radhyja volta a competir no dia 16 de junho, na 2ª etapa do Campeonato Maranhense – Copa Akasam, que acontecerá no interior do estado, em São Mateus.

karateca exibe medalha da Confederação Brasileira de Karatê

Neste intervalo antes da final nacional, ela revelou que tem ambição de mudar de faixa e se tornar a melhor competidora do país na sua categoria. “Quero ser aprovada no exame de faixa e conquistar a roxa”, disse.

Como é campeão absoluta na sua categoria, Radhyja integra a Seleção Maranhense de Karatê. Mesmo com um currículo vasto de títulos, incluindo participações em competições nacionais, Radhyja do Carmo Silva sofre com a falta de patrocínio e tem pouco apoio. Para a disputa do Campeonato Brasileiro, a jovem atleta está contando com a ajuda de poucas pessoas para custear suas passagens e hospedagem.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte