Geral | Dados

Número de acidentes com queda de poste aumentam no Maranhão

Durante 2017, no MA, foram contabilizados 2.109 acidentes em vias públicas com quebra de postes, uma média de quase seis postes por dia
OESTADOMA.COM / com informações da Cemar17/01/2018 às 11h13
Número de acidentes com queda de poste aumentam no MaranhãoUm total de 512 acidentes desse tipo foram registrados só em São Luís. (Paulo Soares / O ESTADO)

SÃO LUÍS – Os números de acidente de trânsito com queda de postes aumentaram consideravelmente no ano passado, em relação a 2016, no estado. É o que aponta balanço realizado pela Companhia Energética do Maranhão (Cemar).

Esse tipo de acidente, conhecido como abalroamento, são mais comuns durante o período chuvoso. Segundo as autoridades de trânsito, esse tipo de acidente normalmente acontece pelos seguintes fatores: excesso de velocidade, más condições das vias, estado de embriaguez, sonolência do condutor ou falha mecânica.

Durante todo o ano de 2017, no Maranhão, foram contabilizados pela Cemar 2.109 acidentes em vias públicas com quebra de postes, uma média de quase seis postes por dia. Destes, 512 aconteceram em São Luís.

Segundo o executivo de segurança da companhia, Francisco Ferreira, “com o período chuvoso as pistas ficam escorregadias e muitos obstáculos ficam cobertos pela água dificultando a percepção dos motoristas. Os principais cuidados são andar sempre em velocidade reduzida e manter a manutenção dos veículos em dia. Evite sair com seu veículo durante as chuvas fortes e, redobre a atenção durante as chuvas no período noturno”.

Além do prejuízo, uma das principais consequências desse tipo de acidente é a interrupção do fornecimento de energia elétrica, causando muitos transtornos a parte da população.

Durante todo o ano de 2017, no Maranhão, foram contabilizados pela Cemar 2.109 acidentes em vias públicas com quebra de postes, uma média de quase 6 postes por dia. Destes, 512 aconteceram em São Luís.

Nos pontos com os maiores registros de ocorrências, foram instaladas defensas (elementos de concreto na frente dos postes - atualmente essas defensas são feitas com manilhas recheadas de areia), cujo objetivo é amortecer o impacto da colisão dos veículos em acidentes, dificultando a queda do poste sobre o carro, preservando assim a vida do motorista e dos passageiros.

Conforme orientação da Cemar, caso aconteça acidente envolvendo a rede elétrica, a pessoa não deve se aproximar de fios e cabos partidos e que não toquem em pessoas objetos que estejam em contato com a rede elétrica.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte