Economia | Em 2016

Maranhão foi um dos estados que mais exportou papel e celulose

Estado contribuiu para que o Nordeste apresentasse superávit de US$ 3,68 bilhões na balança do agronegócios, no ano passado
O Estadoma.com, com informações de assessoria23/02/2017 às 08h01
Maranhão foi um dos estados que mais exportou papel e celulose

O Maranhão foi um dos estados que mais exportou papel e celulose, no ano passado, contribuindo para que o Nordeste apresentasse superávit de US$ 3,68 bilhões na balança do agronegócio. Ao lado da Bahia e do Ceará, o estado respondeu por 80% das exportações do agronegócio na região, em 2016.

De acordo com dados dos ministérios da Indústria e Comércio Exterior (MDIC) e da Agricultura e Pecuária (Mapa), as exportações registraram US$ 5,93 bilhões e as importações US$ 2,25 bilhões. O Nordeste contribuiu com 16,2% das importações e 6,9% das exportações do agronegócio no Brasil em 2016. O segmento contribuiu com 46,3% do total exportado e 12,6% das importações da Região, segundo o Escaritório Técnico de Estudos Econômicos do Nordeste (Etene), órgão de pesquisas do Banco do Nordeste, na publicação Diário Econômico Etene.

Os produtos florestais, como a celulose, lideram a lista das exportações do agronegócio da Região (29,3% do total) no ano, seguidos do complexo soja (21,7%) e frutas (10,3%).

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte