Cidades | Vício

85% dos pacientes do Caps, na Grande Ilha, são dependentes de crack

Bairros como Barreto, Cidade Operária, Liberdade e João Paulo são apontados como aqueles com maior quantidade de pessoas com esse perfil
01/04/2016

Um dado alarmante. Atualmente, pelo menos 85% dos pacientes assistidos por meio do Centro de Atenção Psicossocial (Caps AD) – mantido pelo Governo do Maranhão – são dependentes de crack. Ainda de acordo com a direção do serviço, os bairros Barreto (24%), Cidade Operária (14,2%), Liberdade (13,7%) e João Paulo (13,1%) são apontados com maior quantidade de pessoas com este perfil.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte