Em São Luís

Consumidores alegam atrasos nas entregas dos Correios

Clientes alegam problemas com rastreamento das encomendas.

Imirante.com, com informações da TV Mirante

- Atualizada em 27/03/2022 às 11h07
Uma longa fila de pessoas se formou em frente do Centro de Distribuição localizado no bairro Cruzeiro do Anil, em São Luís.
Uma longa fila de pessoas se formou em frente do Centro de Distribuição localizado no bairro Cruzeiro do Anil, em São Luís. (Foto: Reprodução / TV Mirante)

SÃO LUÍS - Nesta quarta-feira (8), uma longa fila de pessoas se formou em frente do Centro de Distribuição localizado no bairro Cruzeiro do Anil, em São Luís, em busca de informações ou tentar conseguir receber os pacotes.

Segundo alguns consumidores, na maioria das compras realizadas pela internet, principalmente por conta da pandemia, o valor do frete para seus endereços foi incluído no preço final, mas a encomenda não chega e causa transtorno para quem usa o serviço.

Outros clientes afirmam que ao realizar o rastreamento pelo pedido no site dos Correios, não é informado o local exato onde a encomenda se encontra. O que leva a muitas pessoas irem até uma agência em busca de informações.

Por meio de nota, os Correios informou que lamenta eventuais transtornos à população durante a pandemia e afirmou foi ampliado o prazo de entrega de alguns serviços, mas sem afetar a qualidade. Segundo a empresa, por conta da Covid-19, tiveram que ser afastados os profissionais que se enquadram no grupo de risco e que moram com pessoas que estão classificadas neste grupo, o que provocou mudanças nas operações.

Os Correios orienta os consumidores a acompanhar, na página de rastreamento da empresa, a situação da encomenda e apenas se dirigir à unidade somente quando o sistema informar que o objeto está disponível para retirada, para evitar aglomerações.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter e Instagram e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.