Crítica

Crítico analisa Hipóteses para o amor e a verdade

Filme conta com direção de Rodolfo García Vázquez e Nany People no elenco.
Em Cartaz31/08/2015 às 09h11

SÃO LUÍS - Se você está entre os 19 milhões de habitantes da grande São Paulo, saiba que você não é só uma estatística, nem tampouco invisível. Isto vale também para nós, camundongos presos nas engrenagens capitalistas de cidades que não descansam, infelizes, depressivos e niilistas, talvez incapazes de manter um relacionamento senão através de avatares, virtuais e metafóricos, que oferecem a proteção do anonimato, e certamente inseguros inclusive quanto o porquê da própria existência onde ninguém parece querer nos enxergar nos olhos. A todos que, ao menos uma vez, sentiram-se assim, e sobretudo aos paulistanos nascidos e adotados, Hipóteses para o amor e a verdade não vira os olhos para o lado, ignorando-os, mas se solidariza para ouvir e dividir histórias em uma antologia melancólica e sufocante, fotografada com a lente crua (e cruel) adentro da madrugada.

Clique aqui e leia mais sobre a crítica.

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.