Riqueza cultural

Museus do Maranhão se preparam para 17ª Semana Nacional de Museus

Em São Luís, 10 equipamentos culturais estão com programação especial.
Na Mira, com informações da Sectur/MA08/05/2019 às 08h18
Museus do Maranhão se preparam para 17ª Semana Nacional de Museus O tema desta edição é "Museus como Núcleos Culturais: o Futuro das Tradições" e propõe um debate sobre o papel dos museus como centros receptores de práticas, costumes e pensamentos de nossa cultura. (Foto: O Estado/Arquivo)

MARANHÃO - A 17º Semana Nacional de Museus, comemorada em todo o Brasil de 13 a 19 de maio, contará com programação especial realizada pelos museus e casas de cultura do Maranhão, além de museus federais, privados e pontos de memória existentes no Estado do Maranhão.

A temporada cultural é realizada todos os anos em comemoração ao Dia Internacional de Museus (18 de maio). O tema desta edição, ‘Museus como Núcleos Culturais: o Futuro das Tradições’, propõe um debate sobre o papel dos museus como centros emanadores e, igualmente, receptores de práticas, costumes e pensamentos de nossa cultura.

Com atrações gratuitas e diversificadas os museus irão oferecer oficinas, filmes, ciclo de palestras, sarau cultural, exposições e visita mediada. No Maranhão as atividades acontecem em São Luís, Alcântara e Pindaré-Mirim.

Abertura

A abertura oficial do evento está prevista para a próxima segunda-feira (13), no auditório da Casa de Cultura Josué Montello, a partir das 14h30, Rua das Hortas, 327, centro de São Luís.

A programação do primeiro dia contará com palestras e debates sobre técnicas tradicionais na cultura material do Maranhão, influência da arquitetura pombalina em São Luís e azulejaria no Maranhão. Entre os palestrantes, Carlos Burnett, arquiteto e urbanista, professor da Uema; Rose Panet, antropóloga, professora e cineasta; Margareth Figueiredo, arquiteta e professora da Uema; Letícia Castro, arquiteta e especialista em azulejaria.

Em São Luís, 10 equipamentos culturais estão com programação especial. O Museu de Arte Sacra oferece durante a semana atrações como a cerimônia da Ceia Judaica, oficina Memória e Envelhecimento (projeto do Núcleo de Educação Física da UFMA voltado para grupos da terceira idade), Cine Pipoca no Museu, exibição do filme Barroco Mineiro e visitas mediadas à exposição permanente.

No Centro de Pesquisa de História Natural e Arqueologia uma ótima pedida é a oficina de molde de dinossauro, no dia 16, às 15h. O espaço disponibiliza, ainda, visita mediada para as exposições de paleontologia, arqueologia e povos indígenas do maranhão.

Outro espaço com atividades na semana é o Museu Histórico e Artístico do Maranhão. Duas exposições estão na programação: “A arte que vem do barro – modos de fazer cerâmica artesanal no Maranhão” e “Azulejaria no Acervo do Museu Histórico e Artístico”, de 14 a 19 de maio.

A Casa de Cultura Josué Montello, de 13 a 17 de maio, prepara a exposição ‘Os Tambores de São Luís, reverenciando as tradições culturais do Maranhão” com visitas guiadas, além de oficinas criativas com material reciclável, Tarde de Poesia – recital de cordéis com a cordelista Raimunda Frazão e exibição de vídeos-documentários e filmes que retratam as manifestações culturais maranhenses (Tambor de crioula, Tambor de Mina, Bumba meu boi e outros).

Alcântara

Na cidade de Alcântara, a Semana de Museus acontece durante a Festa do Divino, uma das manifestações religiosas mais tradicionais do estado e que anualmente recebe muitos turistas. As atividades podem ser conferidas na Casa do Divino e no Museu Histórico e Artístico.

Na Casa do Divino vale experimentar a oficina Divino Sabor – Chocolate do Divino, no dia 15, às 19h. Já o Museu oferece as oficinas Divino Saber e Nó do Mastro, além de visitas mediadas no espaço.

Participam desta edição o Museu Histórico e Artístico do Maranhão (MHAM), o Centro de Cultura Popular Domingos Vieira Filho, a Casa do Maranhão, a Casa de Cultura Josué Montello, o Centro de Pesquisa de História Natural e Arqueologia, a Casa de Nhozinho, o Museu do Reggae, Museu Histórico de Alcântara, Casa do Divino, Palácio dos Leões, Forte Santo Antônio e Centro Cultural Engenho Central (Pindaré-Mirim).

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.