Aline Guedes começou a cozinhar inspirada na mãe e pesquisa a culinária dos quilombos: ''Tenho buscado ingredientes naturais''

Chef paulistana de 36 anos participa do ''Mestre do Sabor'' como integrante do Time Leo Paixão
07/05/2021 às 11h54

Aline Guedes chegou à terceira temporada do Mestre do Sabor mostrando toda a sua essência na cozinha. Na estreia do reality, a chef paulistana apresentou um peixe preparado no papillote de couve com lagostins, farofa de banana e saladinha cítrica, e garantiu uma vaga no Time Leo Paixão. Pronta para os próximos desafios no fogão, ela bate um papo com o Gshow e fala sobre sua história com a gastronomia.

"Sou o tipo de cozinheira que gosta de valorizar os ingredientes nacionais e, como tenho pesquisado muito essa questão dos quilombos remanescentes, isso é algo que tem me favorecido na cozinha. Então, tenho buscado esses ingredientes naturais também."

Sua história com a cozinha começou ainda na infância. Nascida e criada na periferia de São Paulo, Aline conta que a mãe, Benedita, foi sua maior influência, já que trabalhou como cozinheira em casa de família por 25 anos. "Das lembranças que me marcam muito, sempre tem a imagem da minha mãe, que foi cozinheira durante muitos anos e é minha grande inspiração. Tudo que trago para a cozinha sempre tem alguma coisa que remete às lembranças dela", diz.

Não foi fácil, porém, tomar a decisão de seguir nesta profissão. Apesar de gostar de cozinhar desde pequena, Aline queria crescer como chef e tinha receio de que, após se formar, acabasse ocupando o mesmo lugar de Dona Benedita. Mas, por insistência da mãe, decidiu enfrentar seu medo e ingressou no curso de Gastronomia em 2005, dando início a uma carreira de sucesso.

Hoje, aos 36 anos, Aline traz no currículo a experiência de ter trabalhado com chefs renomados, como Adilson Batista e Bel Coelho. Em 2010, recebeu um convite para atuar em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, como sous-chef do Frevo, restaurante brasileiro localizado em um hotel da cidade.

A participação no Mestre do Sabor também não é seu primeiro desafio na TV: em 2015, ela esteve no The Taste Brasil, exibido pelo canal GNT, como integrante da equipe de Claude Troisgros, e foi até a semifinal, ficando em quarto lugar na disputa.

Atualmente, Aline é mãe de três filhos – os gêmeos Thomaz e Pietro, de 7 anos, e a pequena Cecília, de 4 – e atua como personal chef, além de dar aulas em uma universidade de São Paulo. Ela ainda é mestre em Hospitalidade e Pesquisa de Alimentação nos quilombos do estado, e foi desta experiência que tirou a inspiração para o prato que preparou no programa.

"O prato que fiz tem muito a ver com essa minha pesquisa, então escolhi ingredientes que fazem com que ela seja valorizada, que fazem essa menção aos quilombos, além de outros que estão presentes na minha trajetória gastronômica."

A chef aproveita para dar uma dica para quem quiser fazer a receita em casa: "Em vez de usar a couve só refogada, você pode fazer como eu: pegar uma folha de couve, dar uma pré-cozida e colocá-la envolta no filé de peixe para assar. Isso permite que o peixe fique mais suculento e, por mais que seja assado, não fique seco e desidratado", diz.

© 2019 - Todos os direitos reservados.