Violência Sexual

Policial Militar é preso suspeito de cometer estupro, na cidade de João Lisboa

O PM era lotado no 3º BPM de Imperatriz e cometeu o crime em fevereiro deste ano.
Imirante.com07/07/2016 às 21h00
O Policial Militar cometeu o crime de estupro em fevereiro. (Foto: Divulgação / Polícia Civil)

JOÃO LISBOA – Um Policial Militar identificado como Edison Soares Ribeiro, de 29 anos, teve a prisão preventiva decretada após acusação de ter cometido o crime de estupro no Município de João Lisboa, no Maranhão.

Segundo informações da Polícia Civil, Edison é lotado no 3º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Imperatriz e teria cometido o estupro no dia 6 de fevereiro deste ano. A mulher, vítima de violência sexual, fez o reconhecimento fotográfico do policial que a violentou e a afirmou “não ter dúvidas que ele era o agressor”.

O carro de Edison Soares foi utilizado para praticar o crime. (Foto: Divulgação / Polícia Civil)

Após investigações da polícia, o carro do PM, um Fiat Punto de cor branca, foi identificado como sendo o automóvel utilizado no crime. A vítima ainda informou que Edison Soares, além de cometer o estupro, roubou seu celular e fez ameaças contra a família da jovem para que ela não procurasse as autoridades.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.