Coronavírus

Imperatriz passa de 700 mortes e eleva taxa de letalidade por Covid-19

Nos primeiros 12 dias do mês de abril foram contabilizados 42 óbitos em decorrência da doença.
Imirante.com / Imperatriz13/04/2021 às 09h37
Imperatriz passa de 700 mortes e eleva taxa de letalidade por Covid-19Dados foram atualizados nessa segunda-feira (12). (Foto: Tátyna Viana)

IMPERATRIZ - A Vigilância em Saúde confirmou no boletim divulgado ontem (12) mais 12 vidas perdidas por complicações da Covid-19, em Imperatriz. Com os novos registros, o município ultrapassou a marca de 700 óbitos pela doença. A cidade contabilizou, segundo o boletim, 122 novos infectados, totalizando 13.711 registros. O índice de recuperação é de 92,94% (12,744%).

Leia também:

Maranhão registra 44 mortes e 1.435 casos confirmados de Covid-19 nas últimas 24 horas

As mais recentes vítimas da Covid-19 em Imperatriz são dois homens que morreram dia 9 de abril, um de 36 anos e outro de 19 anos; do dia 10, três mulheres, uma de 68 anos que nega comorbidades, uma de 58 anos que também nega comorbidades e outra de 66 anos cardiopata e com hipertensão arterial; do dia 11, dois homens, um de 80 anos cardiopata e um de 53 anos ex-tabagista, e duas mulheres com 57 anos e uma de 80 anos que nega comorbidades; e de ontem (12), um homem de 57 anos diabético e cardiopata, além de uma mulher puérpera de 19 anos.

Nos primeiros 12 dias do mês de abril, foram contabilizados 42 óbitos em decorrência da doença - média de 3,5 mortes por dia.

No ano, de 1º de janeiro até ontem (12), o município contabilizou 302 mortes por complicações da infecção - 42,53% do total de óbitos desde o início da pandemia, em março do ano passado.

Com o alto índice de mortes em decorrência da doença, Imperatriz chegou a uma taxa de letalidade de 5,17% sobre o total de infectados pela Covid-19.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.