Infraestrutura

Pela segunda vez, moradores bloqueiam Av. Jacob, em protesto

Eles contam que a menos de seis meses foram feitas obras no lugar.
Jefferson Sousa/Imirante Imperatriz01/09/2014 às 13h09

IMPERATRIZ – Os moradores da avenida Jacob, no cruzamento com a rua Aimorés, no bairro Redenção, em Imperatriz, bloquearam, pela segunda vez, a via. Na noite desse domingo (31), eles atearam fogo em pneus velhos e utilizaram uma placa de “pare” para delimitar o maior buraco da avenida, com o objetivo de chamar a atenção do Poder Público.

De acordo com o morador Washigton Gonzaga, que ligou na redação do Imirante/Imperatriz relatando o caso, a via passou por obras de infraestrutura a menos de seis meses.

“Já tinha visto asfalto em cima de piçarra, mas piçarra em cima de asfalto eu nunca vi. Interditei, que estavam quase matando minha mãe, de 90 anos, de tanta poeira”, desabafa o morador, relatando, também, que está impedido de abrir um pequeno negócio no lugar, devida a intensa poeira.

Moradores relatam que a via passou por obras a menos de seis meses. (Foto: Jefferson Sousa/ Imirante Imperatriz)

O mototaxista, Cleiton da Silva Xavier, de 28 anos, há três anos trabalha de mototaxi. Ele conta que a situação da avenida Jacob é um fator em comum em toda a cidade, o que acaba aumentando as despesas mensais com a manutenção do veículo.

“Todos os dias presenciamos essa cena. Não só aqui, mas, também, no Ayrton Sena, Vila Fiquene, toda a cidade tá assim. O trabalho nosso exige muita manutenção, principalmente, por causa dessa buraqueira. Já teve caso de cair com o cliente, por causa disso o que resta é lamentar”, detalha Cleiton da Silva, questionando a aplicação dos recursos recolhido todos os anos.

De acordo com a placa, a avenida Jacob, foi pavimentada, iluminada e sinalizada. (Foto: Jefferson Sousa/ Imirante Imperatriz)

Para o pequeno Alex dos Santos, de 10 anos, o que resta é o pedido que a via seja arrumada logo.

“Eu brincava de bicicleta e bola, quando a mãe me olhava. Não brinco mais porque tá muito buraco e muita lama. Peço que o prefeito arrume isso aqui tudinho, par que eu volte a brincar”, deseja a criança.

A equipe do Imirante/Imperatriz procurou a secretaria de Infraestrutura, representada pelo secretário Roberto Vasconcelos Alencar, mas o prédio encontrava-se fechado.

A equipe do Imirante/Imperatriz procurou a secretaria de Infraestrutura, mas o prédio encontrava-se fechado. (Foto: Jefferson Sousa/ Imirante Imperatriz)

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.