Liga de Basquete Feminino

Sampaio Basquete emplaca duas atletas na seleção da LBF 2022

Tainá Paixão e Gabi Guimarães representaram a Bolívia Querida na equipe ideal do torneio.

Imirante Esporte, com informações da LBF

Tainá Paixão, do Sampaio Basquete, foi eleita MVP das Finais da LBF 2022.
Tainá Paixão, do Sampaio Basquete, foi eleita MVP das Finais da LBF 2022. (Fábio Leoni/Vera Cruz Basquete)

SÃO PAULO - A organização da Liga de Basquete Feminino (LBF) divulgou, nesta terça-feira (20), a seleção ideal da temporada 2022, que foi escolhida em votação com os treinadores das 10 equipes e representantes de sites e perfis que cobriram a competição. Campeão da LBF 2022 após vitória por 3 a 0 na série decisiva contra o Vera Cruz Campinas, o Sampaio Basquete emplacou duas atletas na lista: a ala-armadora Tainá Paixão e a ala-pivô Gabi Guimarães.

Campeã e MVP das Finais pela segunda vez na carreira, Tainá Paixão foi fundamental na conquista do tricampeonato para o Sampaio Basquete. Atuando em 16 das 25 partidas da campanha vitoriosa, a ala/armadora foi a cestinha da equipe, em média, com 14,9 pontos por jogo e venceu quatro vezes o prêmio de melhor jogadora da partida – duas delas na decisão, sobre o Vera Cruz Campinas, quando produziu 20,3 pontos, 7,3 rebotes e 4 assistências.

No jogo 1 das semifinais sobre Santo André (29 pontos) e na primeira partida das Finais (28), Tainá Paixão teve as melhores pontuações em nove temporadas na LBF. Ela entra na seleção da liga pelo segundo ano seguido – também foi eleita em 2021, quando atuava pelo SESI Araraquara. Em agosto, foi decisiva na conquista do sul-americano pela Seleção Brasileira, em revanche sobre as argentinas.

Gabi Guimarães, por sua vez, foi a jogadora mais eficiente do Sampaio Basquete, tendo 18,5 no quesito, somados nas 24 partidas que disputou. A ala-pivô foi apenas uma de cinco atletas a terminar o campeonato com duplo-duplo de média, entre aquelas que disputaram ao menos metade das partidas da temporada.

Peça fundamental no esquema campeão de Rodrigo Galego desde o início da campanha, Gabi saiu de quadra como a melhor da partida por seis vezes – marca superada apenas por Aline, do SESI Araraquara. A ótima temporada rendeu convocação para o Mundial 3×3, fazendo com que a atleta fosse ausência sentida no Jogo Das Estrelas, em junho.

Tainá Paixão e Gabi Guimarães já estão de contrato renovado para defender o Sampaio Basquete na temporada de 2023, assim como a armadora Alana Gonçalo, a ala Patty Teixeira e as pivôs Érika de Souza e Jenyff Moura. Além disso, o Tricolor fechou as contratações da ala Brenda Bleidão e das alas-pivôs Emanuely de Oliveira e Mari Dias. O técnico será o argentino Cristian Santander, que levou o Sampaio ao título da LBF em 2019.

Com presença confirmada do Sampaio Basquete, a LBF 2023 tem início programado para o dia 8 de março, Dia Internacional da Mulher, com o quinto jogo das Finais previsto para o dia 27 de agosto. O Jogo das Estrelas acontecerá em junho, após o final da fase de classificação, em local a ser definido.

Até o momento, não há confirmação das equipes participantes da LBF 2023, mas a organização da competição nacional já fez uma primeira reunião com os 10 times que disputaram o torneio em 2022: Sampaio Basquete, SESI Araraquara, Santo André, Vera Cruz Campinas, Blumenau, Ituano, Sport, LSB (RJ), Catanduva e Sorocaba. Além disso, Flamengo (RJ), Joinville (SC) e Caxias do Sul (RS) manifestaram interesse em atuar na próxima temporada da Liga.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.