Série B

Cruzeiro vence o Brasil de Pelotas e abre vantagem para o Z4 da Série B

Raposa chegou aos 35 pontos na Segundona; Xavante permanece em último lugar.
Imirante Esporte, com informações do Cruzeiro EC03/10/2021 às 17h36
Cruzeiro vence o Brasil de Pelotas e abre vantagem para o Z4 da Série BO Cruzeiro derrotou o Brasil de Pelotas no Independência. (Bruno Haddad / Cruzeiro EC)

BELO HORIZONTE - Sob forte calor, o Cruzeiro entrou em campo no fim da manhã/início de tarde deste domingo e fez valer o fator casa. Atuando no Independência, em Belo Horizonte, a Raposa superou o Brasil-RS, por 2 a 0, em duelo válido pela 28ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

Os gols do triunfo foram marcados pelos jovens Vitor Leque e Thiago, ambos ainda no primeiro tempo do confronto. Na segunda etapa, o Cruzeiro criou várias chances, mas parou em boas defesas do goleiro Marcelo.

O próximo desafio da Raposa pelo certame nacional será como visitante, contra o Coritiba, na sexta-feira. A partida acontecerá às 21h30, no Couto Pereira, em Curitiba (PR).

O jogo

Quem teve a primeira grande chance no jogo foi o Cruzeiro. Aos 14 minutos, Adriano fez lançamento preciso para Bruno José, que ganhou da marcação e tocou de cabeça, encobrindo o goleiro. No entanto, a arbitragem assinalou falta do atacante em Kevin, antes da conclusão a gol.

Cinco minutos mais tarde, Giovanni cruzou na medida pra Brock, que subiu muito e desviou de cabeça, rente à trave direita, assustando a zaga adversária.

Aos 25 minutos foi a vez de Adriano aproveitar uma saída errada do Brasil-RS. Na entrada da área, o volante dominou bonito, de peito, ajeitou o corpo e bateu de canhota. O arremate passou bem perto do poste esquerdo e saiu para linha de fundo.

Só dava Cruzeiro. Aos 39 minutos, Thiago ajeitou para Vitor Leque, que driblou o zagueiro e tocou com categoria, de canhota, superando o goleiro Marcelo. Cruzeiro 1 x 0.

O segundo tento aconteceu aos 45 minutos, quando Raúl Cáceres acionou Thiago, dentro da área. Na primeira tentativa, o avante errou o chute, mas continuou com a bola e, desta vez, concluiu bem, com a perna esquerda, sem chances para o arqueiro do Brasil-RS. Cruzeiro 2 x 0.

Já aos 47, Adriano arriscou de fora, a bola desviou em Thiago e parou no fundo da rede. No entanto, a arbitragem anulou o gol, já que o camisa 18 estava em posição de impedimento.

Segundo tempo

Logo no primeiro minuto da segunda etapa, Lucas Ventura dominou bonito e, na intermediária, soltou uma bomba, obrigando Marcelo a se esticar todo e mandar a bola para escanteio.

Nos momentos posteriores, o Cruzeiro manteve o controle da partida, chegando com perigo em algumas oportunidades. Aos 24 minutos, Matheus Pereira foi na ponta e fez cruzamento certeiro para Raúl Cáceres, que chegou finalizando de cabeça, mas parou em ótima intervenção de Marcelo.

O Cruzeiro ainda teve uma última chance aos 44 minutos, quando Wellington Nem limpou a marcação, invadiu a área e concluiu de perna direita, mas Marcelo novamente defendeu, evitando o terceiro tento da Raposa.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.