Copa Sul-Americana

Marcelo Oliveira quer Fluminense equilibrado para conquistar classificação

Treinador pede que o Tricolor mantenha a tranquilidade em busca da vitória sobre o Nacional.
Imirante Esporte, com informações do Fluminense FC30/10/2018 às 20h04
Marcelo Oliveira quer Fluminense equilibrado para conquistar classificaçãoMarcelo Oliveira, técnico do Fluminense. (Lucas Merçon / Fluminense FC)

MONTEVIDÉU (URUGUAI) - O Fluminense segue se preparando para a decisão da vaga às semifinais da Copa Conmebol Sul-Americana desta quarta-feira, quando enfrenta o Nacional às 19h30, no Gran Parque Central, no Uruguai. O técnico Marcelo Oliveira aposta no equilíbrio do time para conquistar a classificação fora de casa.

"Voltar ao Uruguai é sempre prazeroso, pois a experiência que tive aqui foi muito boa, fiz amigos, falei com alguns jogadores com quem joguei junto, mas chegamos com o equilíbrio e preparação necessários para esse jogo. É uma partida decisiva, importante, temos que passar por essa pressão que exerce a boa equipe do Nacional aqui e ter a tranquilidade para agredir e buscar o gol que necessitamos para passar", explicou o treinador, falando sobre o possível time que entra em campo.

"O Léo preocupa um pouco mais, ele fez apenas uma parte do treinamento, ainda está inseguro e teremos a oportunidade de testá-lo pela última vez para decidir. Com o Gum ainda temos uma expectativa melhor, está sentindo um pouquinho o tornozelo, mas é um tipo de contusão que dá para o jogador jogar e o Gum se posiciona muito bem, é um jogador importante e experiente, vamos aguardar", disse. Para Marcelo Oliveira, o Tricolor precisa focar no conjunto para conseguir avançar na competição.

"O importante é entrar forte, com bom equilíbrio entre defesa e ataque, precisamos marcar muito bem a equipe do Nacional, que tem uma equipe entrosada, boa técnica, se movimenta muito, mas estamos com muita confiança que é possível passar, mesmo sabendo que é difícil pela qualidade do adversário", ressaltou o técnico, comentando também sobre as características do time uruguaio.

"O Nacional joga para frente, inclusive no Rio de Janeiro, não abriu mão de atacar. Vai ser um jogo equilibrado, de muita marcação, muito competitivo, como é o estilo uruguaio e temos que estar atentos a tudo isso para criar uma estratégia boa", destacou. Questionado sobre a proximidade da torcida com o gramado, Marcelo Oliveira acredita que o Fluminense precisa entrar focado apenas no jogo e esquecer o fator casa.

"Acho que a torcida em grande número, perto, jogando junto, pode ajudar o time da casa, apoiando, incentivando, como faz o torcedor do Nacional, mas não atrapalha tanto o adversário. Temos que ignorar isso e fazer um jogo forte no sentido de marcar bem e mostrar nosso poder de ataque também", falou o comandante Tricolor, projetando o duelo desta quarta-feira.

"É possível ganhar aqui, eles tem uma equipe muito boa, uma torcida que apoia, mas é possível. É um jogo de superação, de equilíbrio e a gente precisa investir todo o nosso potencial técnico, físico e estratégico para comemorar no final uma classificação que seria fundamental para o Fluminense", concluiu.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2018 - Todos os direitos reservados.