Copa Libertadores

Atlético-MG joga mal e é derrotado pelo Independiente del Valle

Jogando fora de casa, o Galo mineiro sofreu a sua primeira derrota na Libertadores.

Gazeta Esportiva

- Atualizada em 27/03/2022 às 11h33
Apesar da derrota, o Galo segue líder do grupo 5 da Libertadores.
Apesar da derrota, o Galo segue líder do grupo 5 da Libertadores. (Bruno Cantini/Atlético MG)

SALGOLQUI (EQUADOR) - O Atlético-MG precisava de um simples empate para garantir, nesta quarta-feira, a classificação para as oitavas de final da Libertadores, porém, com uma atuação ruim, especialmente em termos defensivos, a equipe mineira acabou sendo derrotada por 3 a 2 pelo Independiente del Valle, em partida realizada em Salgolqui, no Equador.

Apático no primeiro tempo e pouco agressivo na etapa final, o Galo sofreu com as condições ruins do gramado do estádio Rumiñahui durante toda a partida. Junto a isso, o Atlético-MG contou com atuações ruins de suas principais peças ofensivas, além de se mostrar bastante inseguro na defesa, o que contribuiu para uma vitória justa da equipe equatoriana.

Apesar da derrota – a primeira na competição -, o Galo segue líder do grupo 5 da Libertadores com dez pontos, porém empatado com o próprio Independiente Del Valle. Ambas as equipes estão cinco pontos à frente do terceiro colocado Colo-Colo, do Chile, que visita o Melgar, do Peru, nesta quinta. Caso os chilenos tropecem, Atlético-MG e Del Valle garantem classificação com uma rodada de antecedência para a fase seguinte do torneio continental.

O Jogo

O Atlético-MG até começou bem a partida, buscado criar situações ofensivas, porém quem abriu o placar foi o time equatoriano. Aos cinco minutos, em um lance de sorte, Cabezas recebeu dentro da área e fez o cruzamento, que acabou desviando na defesa, traindo o goleiro Uilson, que nada pode fazer. Logo em seguida, o camisa 11 quase fez o segundo, em bola que carimbou o travessão atleticano.

Mesmo com a pressão adversária, o Galo empatou aos nove minutos, com Júnior Urso, em chute que desviou na zaga antes de ganhar as redes. Apesar do empate, o Atlético-MG abusava dos erros de passes e mostrava muita fragilidade defensiva, fazendo faltas em demasia perto da área. Pois, foi assim que Sornoza, aos 20 minutos, aproveitou falha de Uilson em cobrança de falta para marcar o segundo do Del Valle.

Mais adaptado ao gramado ruim do estádio Rumiñahui, o Independiente del Valle seguia melhor e dava muito trabalho pelo lado direito. E foi em jogada pelo lado esquerdo da zaga mineira que a equipe da casa conseguiu um pênalti, em bola que bateu no braço de Leonardo Silva. Na cobrança, Sornoza bateu bem e fez o terceiro aos 39 minutos.

Na mesma moeda, o Galo voltou ao jogo logo aos três minutos do segundo tempo. Em bola que bateu na mão de Mina, a arbitragem marcou pênalti, e, na cobrança, Lucas Pratto diminuiu a desvantagem no placar. O gol, contudo, não teve o efeito esperado na equipe atleticana, e o Del Valle retomou o domínio da partida, voltando a levar perigo ao gol de Uilson.

Diante da atuação ruim da equipe, o Galo acabou apostando na raça para buscar o empate fora de casa. Mesmo sem grande brilho técnico, o Atlético-MG chegou a aparecer bem no ataque em chutes de Luan e Douglas Santos, que Azcona apareceu bem para defender. Ainda no final, Léo Silva teve bela chance e, de dentro da área, chutou em cima do goleiro adversário.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter e Instagram e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.