Paralisação no Brasil

Aeroviários decretam greve nacional a partir de 29 de novembro

A categoria reivindica reajuste salarial para repor as perdas da inflação nos últimos dois anos.
Imirante.com, com informações da SNA24/11/2021 às 17h10
Aeroviários decretam greve nacional a partir de 29 de novembroA paralisação atingirá 50% dos profissionais por dia. (Foto: Camila Lima/Sistema Verdes Mares)

BRASIL - Foi decidido, em assembleia realizada nesta quarta-feira (24), que pilotos e comissários entrarão em greve por tempo indeterminado em todo o Brasil, a partir da 0h da próxima segunda-feira (29).

Segundo o Sindicato Nacional dos Aeronautas (SNA), o motivo da paralisação é o que os líderes chamam de ‘intransigência das companhias aéreas nas negociações da renovação da Convenção Coletiva de Trabalho’. As empresas teriam negado a garantia da manutenção das cláusulas atuais da convenção em caso de um novo acordo não ter sido fechado até a data-base, em 1.º de dezembro.

A categoria reivindica reajuste salarial para repor as perdas da inflação nos últimos dois anos, tendo como base o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (Inpc) do IBGE. A paralisação atingirá 50% dos profissionais por dia.

“É importante destacar que as próprias empresas apontam em seus informes ao mercado, assim como também demonstram notícias publicadas na imprensa, que o setor aéreo não só vem se recuperando aceleradamente como projeta para o futuro próximo um crescimento que não condiz com a intransigência de impor um achatamento salarial de toda uma categoria”, segundo nota do Sindicato Nacional dos Aeronautas (SNA).

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.