Cancelado

Extinto desde o ano passado, horário de verão não é adotado em 2020

O presidente Jair Bolsonaro assinou no dia 25 de abril de 2019 o decreto que extinguiu a medida.
Imirante.com, com informações da Agência Brasil18/10/2020 às 14h11
Extinto desde o ano passado, horário de verão não é adotado em 2020Quando foi criado, o horário de verão tinha por objetivo aliviar o pico de consumo. (Foto: Reprodução)

BRASÍLIA - Extinto em abril do ano passado, em 2020 também não haverá horário de verão. Em julho deste ano, o Ministério de Minas e Energia (MME) manteve a recomendação de não se adotar o horário de verão no período de 2020/2021.

A pasta avaliou o resultado regulatório da extinção do horário de verão e informou que a economia de energia com a medida diminuiu nos últimos anos e já estaria perto da neutralidade, em razão das mudanças no hábito de consumo de energia da população.

Leia mais:

Ministério mantém recomendação para extinguir horário de verão

Jair Bolsonaro extingue horário de verão

Quando foi criado, o horário de verão tinha por objetivo aliviar o pico de consumo, que era em torno das 18h, e trazer economia de energia na medida em que a iluminação solar era aproveitada por mais tempo. No entanto, nos últimos anos, o Ministério de Minas e Energia constatou uma alteração no horário de pico com maior consumo de energia no período da tarde, por causa da intensificação do uso do ar condicionado, quando o horário de verão não tinha influência.

O presidente Jair Bolsonaro assinou no dia 25 de abril de 2019 o decreto que extinguiu a medida.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.