Em Sítio Novo

Morre idosa baleada em confronto entre assaltantes e polícia no Maranhão

Oneide Costa da Fonseca Oliveira, de 60 anos, foi baleada durante confronto entre assaltantes e policiais militares em Sítio Novo.

Imirante Imperatriz

- Atualizada em 05/05/2023 às 14h36
A idosa Oneide Costa da Fonseca Oliveira, de 60 anos, foi atingida com tiros na cabeça e recebeu os primeiros atendimentos em Porto Franco mas, em seguida, foi encaminhada para Imperatriz em estado gravíssimo e não resistiu. (Foto: Reprodução)

SÍTIO NOVO - A idosa Oneide Costa da Fonseca Oliveira, de 60 anos, que foi baleada durante um confronto entre assaltantes do banco Bradesco e policiais militares em Sítio Novo, morreu na tarde desta quinta-feira (4), na cidade de Imperatriz, interior do Maranhão.

Oneide Costa foi atingida com tiros na cabeça e recebeu os primeiros atendimentos em Porto Franco mas, em seguida, foi encaminhada para Imperatriz em estado gravíssimo e não resistiu após dar entrada no Socorrão.

Leia também: 

Pacientes dialíticos são baleados durante confronto policial no MA

Brandão diz que reféns feridos em assalto a banco estão sendo atendidos

Uma criança que estava no hospital de Porto Franco, de 1 ano e 7 meses, também precisou ser transferida pelo helicóptero do Centro Tático Aéreo e segue internada. No Hospital Infantil de Imperatriz ela foi entubada e está sendo avaliada pelos médicos especialistas, aguardando melhora do quadro clínico. No momento, não há indicação de cirurgia.

Um piloto do CTA, tenente coronel Aniel, também foi atingido na perna no confronto e mesmo ferido conseguiu pilotar a aeronave. Ele também foi hospitalizado e está fora de perigo.

A polícia continua à procura de integrantes do bando que tentou assaltar uma agência bancária em Sítio Novo, na madrugada desta quinta-feira (4). Na fuga, bandidos interceptaram uma van e na troca de tiros com a polícia, várias pessoas foram baleadas e quatro assaltantes mortos.

O assalto

Quatro criminosos armados com fuzis tentaram explodir o cofre da agência do Bradesco do município de Sítio Novo, a 645 km de São Luís, na madrugada desta quinta-feira (4). Na fuga, os bandidos fizeram reféns pacientes dialíticos que estavam em uma van. Os pacientes foram baleados durante confronto entre os policiais e os assaltantes.

A Polícia Militar (PM) foi acionada após câmeras de videomonitoramento da agência registrarem toda a ação dos criminosos. Mesmo após a explosão, os bandidos não conseguiram retirar e roubar o dinheiro do cofre do banco.

Na fuga, os criminosos fizeram reféns pacientes que eram transportados em uma van para realizarem procedimento de hemodiálise. Durante o confronto policial, alguns ocupantes da van foram baleados, eles foram socorridos e encaminhados para hospitais de São João do Paraíso e de Porto Franco.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram, TikTok e canal no Whatsapp. Curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.