Novas regras

Comissão de arbitragem da CBF informa novas diretrizes sobre impedimento

Comissão afirmou que sempre que houver sobreposição das linhas de ataque (azul) e defesa (vermelho), a equipe que estiver no campo ofensivo será beneficiada.

Imirante Esporte

Comissão de arbitragem da CBF mostrou diretrizes sobre impedimento (Rodrigo Ferreira/ CBF)

RIO - A comissão de arbitragem da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) informou as novas diretrizes sobre impedimento. A comissão deu detalhes em uma análise de um possível impedimento e afirmou que sempre que houver sobreposição das linhas de ataque (azul) e defesa (vermelho), a equipe que estiver no campo ofensivo será beneficiada.

VEJA ABAIXO O QUE DIZ A CBF 

"Acompanhando uma tendência do mundo e uma solicitação dos próprios clubes brasileiros, toda vez que as linhas se sobreporem, a linha ficará de cor azul, beneficiando o ataque. É o que o mundo tem praticado para aproximar de uma justiça esportiva maior", explica Wilson Seneme, presidente da Comissão de Arbitragem.

"Tivemos uma reunião com a arbitragem e passaram que a linha sobreposta era do ataque. Hoje a linha foi sobreposta. Para mim, foi sobreposta. É do ataque. Gol legítimo do Santos. O jogo não andou. Não estou transferindo o resultado para a arbitragem, estou pontuando. Na minha visão, o gol foi legítimo. Estou em baseando no que nos passaram na reunião com eles", disse Odair Hellmann em entrevista coletiva.

Com o resultado, o Alvinegro Praiano vai precisar vencer os rivais fora de casa para conquistar uma vaga na próxima fase do torneio mata-mata. Um novo empate leva a decisão aos pênaltis.

O jogo da volta está marcado para o dia 31 de maio, às 19 horas (de Brasília), na Arena Fonte Nova. Antes disso, no entanto, o Santos volta as suas atenções para o Campeonato Brasileiro. O time entra em campo no sábado, às 21 horas, contra o Palmeiras, na Vila Belmiro, pela sétima rodada.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.