Abuso sexual

Suspeito de estuprar prima de oito anos no interior do MA é preso no DF

A mãe da vítima também foi presa por omissão diante das ações criminosas contra a criança.

Imirante, com informações da Polícia Civil

Menina relatou à mãe e à avó que sofria abusos sexuais. (Foto: Getty Images)

SÃO MATEUS DO MARANHÃO - Um homem, de 20 anos, foi preso, no Distrito Federal, suspeito de estuprar uma menina, de oito anos de idade, no município de São Mateus do Maranhão.

Segundo as investigações da Delegacia de Polícia de São Mateus, a vítima, que é prima do suspeito, contou à mãe e à avó que estava sofrendo os abusos. Segundo a garota, um outro primo, de 18 anos, que ainda está foragido, também a teria abusado.

Um trabalho integrado entre as Polícias Civil dos Estados do Maranhão, Goiás e Distrito Federal, resultou, na segunda-feira (21), no cumprimento de um mandado de prisão temporária contra o suspeito. 

A Delegacia de São Mateus ainda cumpriu mandado de prisão temporária contra a mãe da vítima, pelo crime de estupro de vulnerável, pois ela teria sido omissa diante das ações criminosas contra a criança. 

De acordo com as investigações, a mãe descumpriu recomendação do Conselho Tutelar para retirar a criança do povoado, já que ela residia ao lado de seus abusadores. Durante o interrogatório, a mãe ainda deu depoimentos conflitantes, na tentativa de acobertar os abusadores, razão pela qual foi também presa temporariamente.

A prisão foi realizada no âmbito da “Operação Shamar”, articulada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública, e Ministério da Mulher, que visa reforçar o combate à violência contra a mulher e ao feminicídio. O nome “Shamar” tem origem na denominação hebraica da palavra, que significa ato de guardar, vigiar ou proteger.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.