GIRO POLÍTICO #71

Ministra maranhense gasta mais de R$ 11 mi com passagens e hospedagens

As principais notícias do mundo da política entre os dias 01 e 07 de julho de 2024.

Ipolítica

Atualizada em 07/07/2024 às 12h15
71ª Edição do Giro Político (Divulgação)

 

SÃO LUÍS - 

Depois da fala do prefeito Eduardo Braide (PSD) reclamando da CPI dos contratos emergenciais, o presidente da Câmara Municipal de São Luís, vereador Paulo Victor (PSB), apresentou memorando pedindo a convocação do empresário Antônio Calixto, da Construmaster, empresa que já trabalhou na gestão de Braide.

Segundo o socialista, este empresário o procurou ainda em 2023 para relatar irregularidades em contratos da Secretaria Municipal de Obras (Semosp) envolvendo dois irmãos do prefeito Eduardo Braide.

TERÇA-FEIRA

Desde de o ínicio da gestão de Sônia Gajajara, O Ministério dos Povos Indígenas gastou cerca de R$ 11 milhões em passagens aéreas e hospedagens para não servidores. 

De janeiro de 2023 até maio, o ministério desembolsou R$ 6,9 milhões apenas com o pagamento de diárias, com uma média de R$ 3,6 mil por viagem. Em relação às passagens aéreas, foram adquiridos 2 mil trechos, totalizando R$ 4 milhões, com um custo médio de R$ 1,8 mil por trecho.

O ativista Hony Sobrinho, amigo da ministra Sônia Guajajara, foi a pessoa que mais viajou pela pasta, com 23 viagens custeadas pelo ministério no período. As viagens de Hony Sobrinho estão sendo investigadas pelo Tribunal de Contas da União (TCU), atualmente em fase de diligência sob a supervisão do ministro Jhonatan de Jesus. 

Durante reuniões e encontros promovidos por Sônia Guajajara, Hony Sobrinho é apresentado como assessor especial da ministra.

No mesmo dia, o deputado estadual Aluízio Santos (PL) está solicitando transporte gratuito aos guardas municipais no sistema de transporte intermunicipal e aquaviário de passageiros no Maranhão.

Na justificativa, o deputado pontuou que os guardas municipais executam atividades de segurança pública, essenciais ao atendimento das necessidades inadiáveis de toda a sociedade. 

Por esse motivo, é importante a concessão desse benefício, que já é estendido para outras categorias também integrantes da segurança pública, como os policiais militares.

QUARTA-FEIRA

Foi promulgada o Projeto de Lei (PL) da vereadora Concita Pinto que estabelece a instalação de internet gratuita em bairros carentes de São Luís.

Segundo a parlamentar, o objetivo do PL é implantar internet por meio de Wireless, em comunidades que se encontram em vulnerabilidade. A instalação será em locais públicos e de grande fluxo de pessoas. 

Quantos aos bairros escolhidos, ficarão sob responsabilidade do executivo para decidir quais pontos da cidade receberão o benefício. 

Ainda segundo o PL, as despesas decorrentes da execução desta lei, correrão por conta de dotações orçamentárias próprias, com adicionais, se necessário. 

QUINTA-FEIRA

A 4ª Zona Eleitoral de Caxias/MA determinou a suspensão imediata da divulgação da pesquisa eleitoral, conduzida pela empresa Agilize Marketing e Assessoria LTDA. 

A decisão atende a uma representação movida pelo diretório municipal do partido Podemos.

A representação do Podemos alegou diversas irregularidades na pesquisa, incluindo a ausência de opções de voto branco/nulo, favoritismo na ordem dos candidatos e discrepâncias nos dados de escolaridade. Além disso, a pesquisa foi acusada de ter ligações com a deputada Daniella Tema, esposa do atual prefeito de Caxias/MA.

SEXTA-FEIRA 

O vereador Daniel Oliveira apresentou um Projeto de Lei determinando prazo máximo de 30 dias para a realização do exame de mama, na rede pública de saúde da capital.

O parlamentar destacou a importância  da medida, apontando que a proposta vem auxiliar as mulheres que precisam realizar exame de mama e têm urgência em receber os resultados.

O câncer de mama é uma das principais causas de morte entre as mulheres no Brasil, e a agilidade na realização dos exames é crucial para aumentar as chances de cura e reduzir os impactos dessa doença na vida das pacientes.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram, TikTok e canal no Whatsapp. Curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.