Prisão

Polícia prende em Timbiras quatro suspeitos de cometerem crimes

Suspeitos foram presos pelos crimes de latrocínio, roupo e posse de arma de fogo.
Imirante.com, com informações da22/04/2021 às 11h32
Polícia prende em Timbiras quatro suspeitos de cometerem crimesCom um dos suspeitos foram apreendidas uma arma de fabricação caseira. ( Foto: Reprodução)

TIMBIRAS – A Polícia Civil do Maranhão prendeu, nessa quarta-feira (21), quatro homens suspeitos de cometerem diversos crimes, entre eles, latrocínio e roubo, em Timbiras, município distante 314 km de São Luís.

Leia também:

Suspeito de cometer mais de 15 estupros é preso pela polícia no interior do Maranhão

Homem é preso suspeito de estuprar a própria filha de 3 anos

Na primeira ação, um homem foi preso pela prática do crime de latrocínio. O delito aconteceu no dia 21 de março deste ano, em Timbiras. Em outra ação, os policiais civis cumpriram um mandado de prisão contra um homem suspeito pelo crime de roubo majorado tentado que aconteceu no dia 31 de março.

Dando continuidade aos trabalhos, a Polícia Civil deu cumprimento a um mandado de prisão preventiva contra um homem conhecido como “Chaguinha”, suspeito do crime de roubo majorado tentado. Além disso, o mesmo foi flagrado em posse de uma arma de fogo de fabricação artesanal, tipo garrucha.

A Polícia Civil ainda conseguiu prender um quarto homem suspeito pelo crime de posse ilegal de arma de fogo de uso permitido. Na residência do investigado, os policiais apreenderam uma arma de fogo de fabricação caseira.

Em todos os casos, os presos foram apresentados na Delegacia de Timbiras e, após as comunicações, todos foram encaminhados à Unidade Prisional de Ressocialização (UPR) de Codó, onde permanecerão à disposição da Justiça.


Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.