Ensino técnico

Uema abre inscrições para os Cursos Técnicos em Vigilância em Saúde e Apicultura

São ofertadas 660 vagas distribuídas em várias cidades polos.

Imirante.com, com informações da Uema

- Atualizada em 26/03/2022 às 18h37
Campus Paulo VI da Uema, em São Luís.
Campus Paulo VI da Uema, em São Luís. (Foto: Divulgação)

SÃO LUÍS - A Universidade Estadual do Maranhão (Uema), por meio do Núcleo de Tecnologias para Educação (UemaNet), abriu inscrições para seleção dos Cursos Técnico em Vigilância em Saúde e Apicultura, modalidade a distância. As inscrições podem ser feitas até dia 6 de fevereiro de 2022, pelo endereço: seletivos.uemanet.uema.br. Não será cobrada taxa de inscrição.

São ofertadas 660 vagas distribuídas em várias cidades polos. Podem se inscrever pessoas com formação a partir do ensino médio completo.

Os cursos integram o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) e resultam de um acordo da Uema para a ampliação da oferta de cursos da educação profissional e tecnológica.

De acordo com a Coordenadora Geral do UemaNet, Ilka Serra, a Uema desde 2011 oferta cursos técnicos na modalidade a distância, sendo, atualmente, a única Universidade Estadual a ofertar cursos técnicos, na modalidade a distância, reconhecida pelo MEC.

“O MEC sempre tem aprovado os projetos que a Uema apresenta em relação a oferta de cursos técnicos. E isso é de extrema importância, pois com essas ofertas é possível realizar a formação qualificada de jovens para atuarem no mercado de trabalho, considerando que todos os nossos cursos têm um viés muito forte no empreendedorismo e, com isso, desenvolve nos jovens o anseio de estarem empreendendo em todas as áreas do conhecimento. Portanto, com essa nova oferta de cursos técnicos o foco é realmente colocar os jovens no mercado de trabalho”, explica Ilka.

O Curso Técnico em Vigilância em Saúde tem duração de 18 meses, é gratuito e com certificação. A cara horaria total é de 1.440 horas, distribuídas entre disciplinas teóricas (on-line) e estágio presencial. O objetivo é formar profissionais para atuação em ações de vigilância, prevenção e controle de doenças, visando a saúde ambiental, do trabalhador e da população em geral.

As vagas para Curso Técnico em Vigilância em Saúde estão distribuídas da seguinte forma: Alto Alegre do Pindaré (30 vagas), Bacabal (30), Balsas (30), Caxias (30), Coelho Neto (30), Colinas (30), Coroatá (30), Grajaú (30), Pedreiras (30), Santa Inês (30), São Benedito do Rio Preto (30) e Timon (30).

O Curso Técnico em Apicultura tem duração de 15 meses, é gratuito. A cara horaria total é de 1.200 horas, distribuídas entre disciplinas teóricas (on-line) e estágio supervisionado presencial. Visa a formação de profissionais com conhecimentos teóricos e práticos sobre os sistemas de criação e produção de abelhas, considerando os aspectos socioeconômicos e ambientais da produção da região.

As vagas para o Curso Técnico em Apicultura estão distribuídas da seguinte forma: Açailândia (30 vagas), Anajatuba (30), Arari (30), Bacabeira (30), Carolina (30), Imperatriz (30), São Bento (30), São Luís (30), Viana (30) e Zé Doca (30).

Para mais informações acesse: seletivos.uemanet.uema.br.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.