Embate

Bolsonaro volta a atacar forma física de Flávio Dino, que responde

Presidente da República falou a apoiadores sobre "chefes comunistas gordinhos".
Gilberto Léda12/01/2022 às 06h39
Bolsonaro volta a atacar forma física de Flávio Dino, que respondeBolsonaro mencionou Dino em conversa com apoiadora do Maranhão (Antonio Cruz / Agência Brasil)

SÃO LUÍS - O presidente Jair Bolsonaro (PL) voltou a atacar a forma física do governador do Maranhão, Flávio Dino (PSB-MA), para criticar a gestão do socialista.

Em conversa com apoiadores, na terça-feira (11), durante a sua chegada ao Palácio da Alvorada, em Brasília, ele encontrou uma eleitora maranhense e falou sobre “chefes comunistas gordinhos”.

“A senhora é do estado do Partido Comunista do Brasil. Você já reparou que os países comunistas, geralmente o chefe é gordo? Coréia do Norte? Venezuela? São gordinhos, né? Maranhão?”, disse Bolsonaro, entre risos.

Antes de se filiar ao PSB, Dino pertencia ao Partido Comunista do Brasil (PCdoB).

Sem graça - Nas redes sociais, o governador maranhense comentou a declaração do presidente. Segundo ele, trata-se de uma "'piada', além de sem graça, repetida”.

"Compatível com a notória escassez de neurônios do indivíduo. Ao bisonho e fracassado 'piadista', faço uma conclamação: VAI TRABALHAR. Os problemas federais são cada dia mais graves: inflação, desemprego, aumento dos combustíveis etc”, escreveu.

Esta já é a terceira vez que Bolsonaro usa a forma física de Dino para criticá-lo. Em maio do ano passado, durante passagem por Açailândia, ele se referiu ao chefe do Executivo estadual como “gordinho ditador”; depois, em agosto, declarou que “quanto mais pobre o estado, mais gordo é o governador”.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

Selo IVC
© 2019 - Todos os direitos reservados.