Em São Luís

Câmeras de segurança flagram homem perseguindo e torturando cavalos

Após o crime, um dos cavalos não resistiu aos ferimentos e morreu.
Imirante.com06/07/2021 às 17h02
Câmeras de segurança flagram homem perseguindo e torturando cavalos A agressão aconteceu na madrugada de 28 de junho, em uma rua no bairro Parque Timbiras. ( Foto: Reprodução / TV Mirante)

SÃO LUÍS – Câmeras de segurança flagraram um homem torturando e agredindo dois cavalos que estavam soltos em uma rua no bairro Parque Timbiras, em São Luís. A agressão aconteceu na madrugada de 28 de junho.

Leia também:

Polícia Militar resgata cachorro amarrado em rua de Açailândia

VÍDEO: cachorro ferido entra sozinho em clínica e recebe tratamento

VÍDEO: casal é preso por maus-tratos a animais em Açailândia

O homem apareceu durante a madrugada com um pedaço de madeira. Ele iniciou as agressões e bateu nos animais. Após o crime, um dos cavalos não resistiu aos ferimentos e morreu. Ele foi encontrado morto por moradores do bairro.

Logo cedo uma moradora do bairro viu os animais agredidos na rua. A jovem, que não quis se identificar, olhou nas imagens das câmeras de segurança e constatou as agressões. Ela realizou uma denúncia anônima à uma ONG da causa animal.

Segundo a jovem, o animal que morreu devido as agressões foi recolhido pelo serviço de limpeza ainda pela manhã. Já o segundo cavalo, foi levado por um homem que não foi identificado.

O caso foi denunciado a Secretaria de Estado do Meio Ambiente (SEMA) por uma ONGs que atua na causa animal em São Luís. A Polícia Civil investiga o crime e até o momento, quatro pessoas foram chamadas para prestar esclarecimentos.

Segundo a diretora da ONG Patas em Ação, Andreia Ricci, o Ministério Público do Maranhão (MP-MA) foi acionado para investigar o caso.

"O caso chegou até nós que se trata de um equino ele é torturado até a morte e a partir de então, nós registramos um boletim de ocorrência na Secretaria do Meio Ambiente e acionamos o Ministério Público através da Promotoria do Meio Ambiente", disse Andreia Ricci

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.