Violência

Mais de 40 pessoas foram mortas por policiais em 2020 no Maranhão

E cinco policiais foram assassinados no Estado no ano passado.
Imirante.com*22/04/2021 às 08h04
Mais de 40 pessoas foram mortas por policiais em 2020 no MaranhãoEm todo o país, o total de policiais assassinados apresentou aumento. (Foto: Reprodução)

SÃO LUÍS – O número de pessoas mortas por policiais no Maranhão apresentou uma queda na comparação entre os anos de 2020 e 2019. No ano passado, foram registradas 41 vítimas, enquanto que em 2019 o número chegou a 72.

Os dados fazem parte de um levantamento do Monitor da Violência do G1 sobre vitimização e letalidade policial. A reportagem (veja aqui completa) detalha ainda que no Maranhão, 40 pessoas foram mortas por forças policiais em serviço e uma, por policial de folga. Os números se referem a policiais civis e militares.

Policiais mortos

Por outro lado, cinco policiais foram mortos no Estado no ano marcado pela pandemia do novo coronavírus. Destes, apenas um estava em serviço; os outros quatro foram mortos durante a folga deles.

Leia mais:

Confronto policial deixa quatro suspeitos de crimes mortos em Turilândia

Suspeito de assaltar van é morto por policial à paisana

Policial militar é preso suspeito de homicídio e assalto em Araioses

Policial militar é assassinado após reagir a assalto no Ipem São Cristóvão

Policial militar é morto após ameaçar PRFs com arma de fogo

Em todo o país, o total de policiais assassinados apresentou aumento: 198, o que representa um aumento de 10% em relação a 2019.

O Amapá foi o Estado com a maior taxa de letalidade policial em 2020: 12,8 por 100 mil habitantes. A menor taxa foi no Distrito Federal: 0,4 a cada 100 mil. No Maranhão é de 0,6.

Acesse aqui o mapa interativo do G1

*Com informações do G1

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.