Asfalto cede em São Luís

Ônibus são retirados, mas avenida continua congestionada; Veja rotas de tráfego

Uma obra de reparo está sendo feita na avenida Jerônimo de Albuquerque, mas o tempo de conclusão do serviço aumentou porque um cano estourou no local.
Imirante.com11/02/2021 às 17h24

SÃO LUÍS – Os dois ônibus que ficaram presos na pista, após o asfalto ceder na avenida Jerônimo de Albuquerque, no bairro do Angelim, já foram retirados do local. Porém, o trânsito continua congestionado na região, por causa da vala que se formou na área (veja, no final da matéria, rotas alternativas de tráfego).

Saiba mais sobre o caso: Dois ônibus ficam presos na pista após asfalto ceder na Av. Jerônimo de Albuquerque

Ônibus ficaram presos no asfalto. / Foto: Divulgação.

Uma obra de reparo está sendo feita na via, mas o tempo de conclusão do serviço aumentou porque um cano estourou no local.

“A previsão era de que fosse feito um rápido serviço de reparo na via, para que o trânsito fosse logo liberado, já que a vala era rasa, mas um cano da Caema acabou rompendo, o que fez dobrar o tempo previsto para finalizar o reparo na via”, explicou o coordenador de operações da Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (SMTT), Diogo Alexandre.

Os coletivos ficaram presos na pista após o asfalto ceder durante a forte chuva que atingia São Luís, por volta das 12h desta quinta-feira (11). Ninguém ficou ferido nos coletivos que ficaram presos na pista, houve apenas pequenas avarias nos ônibus.

“O peso do ônibus acabou fazendo o asfalto ceder de uma vez. Coincidentemente, cedeu tanto do lado centro/bairro quando do bairro/centro. Eles ficaram aí presos no buraco, obstruindo 100% a via. O nosso guincho chegou e removeu os veículos, mas a avenida continuou obstruída, por causa da vala que ficou aberta”, disse Diogo Alexandre.

Ainda de acordo com Diogo Alexandre, na região em que houve o acidente, está sendo feita uma obra na pista no sentido bairro/centro, na via contrária ao acidente com os ônibus, mas pode ser que a água tenha infiltrado e causado o problema no asfalto.

Por meio de nota, a Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (SMTT) informou que “agentes de trânsito permanecerão em pontos estratégicos da Avenida Jerônimo de Albuquerque, orientando os condutores até que a Agência Executiva Metropolitana (Agem), órgão do Governo do Estado responsável pela obra, conclua os reparos no local”.

Alternativas de fluxo de tráfego

A SMTT estabeleceu alternativas de fluxo de tráfego pelas seguintes rotas:

Alternativa 1 – Sentido Cohab – Angelim pode desviar pela Avenida São Sebastião - sentido Anil ou pela Avenida São Luís Rei de França, no sentido do Shopping Rio Anil;

Alternativa 2 – Sentido Cohama – Angelim desviar pela alça do Shopping da Ilha para o Bequimão

Alternativa 3 – Sentido Cohama – Angelim para quem vai para outros bairros pelo Bequimão, desviar pela Avenida Daniel de La Touche – Ponte do Caratatiua – Franceses

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.