Barulho

Operação prende 11 pessoas por poluição sonora no bairro Cohab, em São Luís

Todos os presos estavam trafegando em motos com canos de descargas adulterados, sem silenciador, com o intuito de causar barulho.
Divulgação / MP-MA27/08/2020 às 11h42
Operação prende 11 pessoas por poluição sonora no bairro Cohab, em São LuísOs condutores vão responder pela prática de crime ambiental (poluição sonora), previsto no artigo 54 da Lei nº 9.605/1998 (Lei de Crimes Ambientais). (Foto: divulgação / MP-MA)

SÃO LUÍS - Onze pessoas foram presas em flagrante, na noite dessa quarta-feira (26), no bairro Cohab, em São Luís, por prática de poluição sonora. As prisões foram realizadas por meio da Operação Harpócrates (Deus do silêncio na mitologia grega, coordenada pelo Ministério Público do Maranhão (MP-MA) em parceria com polícias civil e militar e Corpo de Bombeiros. Todos os presos estavam trafegando em motos com canos de descargas adulterados, sem silenciador, com o intuito de causar barulho.

Do MP-MA, participaram da mobilização os promotores de justiça Cláudio Alberto Guimarães (Controle Externo da Atividade Policial) e Reinaldo Campos Castro (da Comarca de Raposa).

As motos foram apreendidas e, após a vistoria dos legistas do Instituto de Criminalística do Maranhão (Icrim), os canos de descargas irregulares deverão ser substituídos por canos regulares, permitidos pela legislação. Depois desse procedimento, as motos são liberadas aos proprietários.

Os condutores vão responder pela prática de crime ambiental (poluição sonora), previsto no artigo 54 da Lei nº 9.605/1998 (Lei de Crimes Ambientais).

Além da fiança no valor de R$ 1.045 (um salário-mínimo), imposto aos condutores, presos em flagrante, uma multa será encaminhada pela Secretarias Municipal de Trânsito e Transporte de São Luís (SMTT) aos proprietários das motos, conforme o Código de Trânsito Brasileiro.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.