“Val da Camboa”

Líder de facção é presa após ser condenada a 11 anos de prisão

Valdirene Pereira, viúva de “Danielzinho”, foi presa nesta quinta-feira (6).
Imirante.com, com informações da Mirante AM06/12/2018 às 17h52
Líder de facção é presa após ser condenada a 11 anos de prisãoValdirene Pereira foi presa na manhã desta quinta, em cumprimento a mandado de prisão condenatória. (Foto: Divulgação)

SÃO LUÍS – Na tarde desta quinta-feira (6), foi apresentada, na sede Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic), Valdirene Pereira, conhecida como “Val da Camboa”. A mulher é acusada de liderar uma organização criminosa na capital maranhense.

Leia também:

Aumenta número de mulheres recrutadas pelo tráfico na Ilha

Bandidos ditam ordens em bairro de São Luís

De acordo com as investigações, a facção liderada por “Val” atua nos bairros da Liberdade, Camboa e Centro. Valdirene Pereira foi presa na manhã desta quinta, em cumprimento a mandado de prisão condenatória e deve cumprir 11 anos de reclusão pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico e lavagem de dinheiro.

Segundo informações do delegado Carlos Alessandro titular da Seic, Val” já foi presa em 2015 e em 2017, na megaoperação realizada no residencial “PAC Rio Anil”, na Camboa.

“Ela foi presa em 2015 junto com o marido, Daniel Almeida dos Santos (Danielzinho). Em poder deles a polícia apreendeu cocaína e carros de luxo, sendo um deles uma Picape Frontier blindada. Em 2016, Daniel foi assassinado no bairro do São Francisco, e Valdirene acabou assumindo o lugar dele na liderança de uma facção criminosa. Em 2017, Valdirene foi presa novamente por tráfico de drogas, ela estava em um hotel de luxo no bairro da Ponta d’ Areia se escondendo da polícia”, informou o delegado Carlos Alessandro.

Saiba mais:

Polícia invade festa e prende suposto traficante, em São Luís

Presa uma das chefes de facção que atua dentro de condomínio do PAC na Camboa

Homem é assassinado em frente a uma lotérica no bairro do Renascença

Preso suspeito de matar homem em frente à lotérica no Renascença

Após a prisão desta quinta, Valdirene Pereira vai cumprir pena, em regime fechado, na Penitenciária Feminina do Complexo Penitenciário de Pedrinhas”, em São Luís.

Ouça a entrevista que o delegado Carlos Alessandro deu na rádio Mirante AM, falando detalhes sobre o caso.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.