Corpo de Bombeiros

Incêndio atinge galpão de reciclagem na Universidade Federal do Maranhão

O incêndio no terreno já foi controlado, mas as equipes do Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão (CBMMA) permanecem no local.
Imirante.com02/11/2018 às 19h31
Incêndio em terreno da UFMA.

SÃO LUÍS - No fim da tarde desta sexta-feira (2), um incêndio em um galpão de reciclagem que fica próximo a Universidade Federal do Maranhão (UFMA) causou pânico a moradores do bairro Sá Viana, em São Luís. O galpão da cooperativa fica próximo aos prédios do aloxarifado e da garagem da UFMA.

Segundo informações do Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão (CBMMA), quatro viaturas de combate a incêndio foram destinadas ao local e controlaram o fogo. Neste momento o rescaldo no local continua sendo executado pelas equipes dos Bombeiros.

Em nota, o Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão (CBMMA) alerta para o período de estiagem, que contribui para a propagação de focos de incêndio.

Assista ao vídeo enviado pelo internauta do Imirante.com por meio do WhatsApp 99209-2383.

Veja nota na íntegra:

O Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão (CBMMA) informa que controlou um incêndio em vegetação registrado na tarde desta sexta-feira (2) no bairro do Sá Viana, próximo à Universidade Federal do Maranhão. Além da vegetação, o incêndio atingiu um galpão com produtos de reciclagem. Quatro viaturas de combate a incêndio foram destinadas ao local e controlaram o fogo. Neste momento o rescaldo no local continua sendo executado pelas equipes dos Bombeiros. Apesar da proximidade de residências no local, não houve registro de feridos.

O Corpo de Bombeiros Militar alerta que neste período de estiagem, os fortes ventos, as altas temperaturas e a baixa umidade relativa do ar contribuem para a propagação de focos de incêndio. Diante disso, o órgão alerta para a população seguir as seguintes orientações:

Não jogar pontas de cigarros acesas na vegetação seca;
Não promover eliminação do lixo por meio de queimadas;
Não lançar fogos de artifício próximo de vegetação seca;
Não abandonar fogueiras ou braseiros antes que se tenha certeza de que foram apagadas totalmente.

O Corpo de Bombeiros informa, ainda, que disponibiliza o telefone 193 para o registro de chamadas de incêndios.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2018 - Todos os direitos reservados.